Stefanini adquire ECglobal

0

Com um faturamento de R$ 5 bilhões em 2021 e expectativa acima de R$ 6 bilhões este ano, utilizando uma estratégia baseada em crescimento orgânico e aquisições, o Grupo Stefanini dá mais um passo para ampliar seu ecossistema de inovação composto por mais de 30 empresas. Dessa vez, o foco é complementar o portfólio de soluções do ecossistema de marketing digital, batizado de Haus, com a aquisição da Ecglobal, uma empresa brasileira, com operações no exterior – países da América Latina e Estados Unidos -, que desenvolveu uma plataforma colaborativa, com tecnologia proprietária, para criar comunidades e redes sociais. O objetivo é que marcas e consumidores se engajem, colaborem e cocriem melhores produtos e experiências, sendo os dados de propriedade das empresas.

Responsável por divulgar anualmente o Net Love Score – NLS, estudo que revela as marcas que conquistaram o Brasil, a Ecglobal busca entender a evolução das tendências comportamentais dos consumidores, a partir da combinação de social listening em comunidades, com metodologias de pesquisas quantitativas e qualitativas. Sua plataforma promove uma participação ativa na rotina das pessoas por meio da automação e inteligência de dados e consegue interagir rapidamente em torno de uma causa ou propósito, impulsionando novos negócios.

Pela rede Ecglobal, as equipes de marketing, inovação e CX/UX podem desenvolver e validar conceitos, próximas inovações, experiências, posicionamento e comunicação. Da mesma maneira, a área de pesquisa pode gerar insights estratégicos para os departamentos de marketing e branding. É um espaço onde os participantes podem ouvir e ser ouvidos, receber informações e influenciar decisões de marcas e organizações que admiram.

Atualmente, a Ecglobal tem mais de 1 milhão de consumidores ativos em sua plataforma, sendo 600 mil no Brasil. Entre os principais clientes estão Itaú, Nestlé, Natura, BRF, HBO e Via. "Desde os primeiros contatos, percebemos que havia uma grande sinergia entre as empresas, que poderão, a partir de agora, integrar a eficiência do software da Ecglobal com o DNA Stefanini de inovação e excelência na prestação de serviços. Vislumbramos a possibilidade de expandir a atuação da plataforma Haus para outras regiões, com grande potencial de cross-selling entre as bases de clientes", afirma Bruno Caloi, diretor de M&A do Grupo Stefanini, que atua próximo às unidades de negócio para buscar empresas complementares ao ecossistema de inovação da multinacional brasileira. "Estamos muito ativos na área de Marketing Digital. Temos, atualmente, um fluxo de 20 empresas em análise, sempre atentos a novas tecnologias e competências para agregar à oferta do Grupo Haus."

Para o Managing Partner da Haus, Guilherme Stefanini, a chegada da Ecglobal ao grupo reforça a estratégia de aportar cada vez tecnologia e inteligência ao marketing para trazer resultados. Ao unir expertises, as empresas ampliam a capacidade de analisar dados, geram mais inteligência, se aproximam dos clientes e criam comunidades, que podem ser segmentadas por interesses comuns, discutem alternativas para tomar decisões mais assertivas e agregar valor ao negócio.

"Na prática, a Ecglobal se conectará com a área de design de produtos, estratégia e insights da Gauge, criação de tendências e conversas para lançamento de campanhas da W3haus, desenvolvimento de e-commerce dentro das comunidades, ação com influenciadores, gamificação e adoção de programas de fidelidade, em parceria com a Inspiring, entre outras iniciativas conjuntas. Nosso objetivo é tornar a Ecglobal em uma das maiores plataformas de Customer Insights do Brasil e expandi-la internacionalmente", garante Guilherme Stefanini (foto).

"Estamos muito felizes de fazer parte do Grupo Stefanini. Juntos, teremos um poder ainda maior para escalar nossas soluções e atingir novos países com ferramentas inovadoras de CX e inteligência de mercado, com altos níveis de engajamento para que os participantes das nossas comunidades se sintam à vontade para expressar suas ideias. Promovemos um espaço de inteligência colaborativa, que está em sinergia com o propósito do Grupo Stefanini: Cocriar soluções para um futuro melhor", complementa Adriana Rocha, cofundadora e Co-CEO da Ecglobal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui