Microsoft faz parceria com SpaceX para levar nuvem aos negócios espaciais

0
21

A Microsoft pretende usar a nuvem Azure para atrair negócios espaciais de uso comercial e governamental por meio de parcerias, implantando novos serviços usando o espaço de órbita baixa proposta pela Space X, empresa foguetes do bilionário de Elon Musk.

"Reunimos uma equipe de renomados veteranos da indústria espacial para trabalhar ao lado de nossos engenheiros de produto de classe mundial e cientistas para construir recursos de nuvem que atendam às necessidades exclusivas de espaço. Nossas áreas de inovação incluem simulação de missões espaciais, descoberta de insights de dados de satélite e fomentando a inovação no solo e em órbita ", explicou Tom Keane, vice presidente global da Microsoft Azure.

A iniciativa ocorre três meses após a grande rival AWS, da Amazon, lançar sua iniciativa focada no espaço, que já conta com dois clientes: Maxar Technologies e Capella Space. Jeff Bezos, da Amazon, também é dono da empresa de foguetes concorrente, a Blue Origin, que também está buscando serviços de satélites em órbita baixa.

Além da SpaceX, a Microsoft anuncia a expansão de seu acordo com a SES S/A, que opera uma rede de satélites mais distantes da Terra. Os parceiros existentes incluem KSAT, Viasat, Kratos, AMERGINT, KubOS e US Electrodynamics.

A parceria da SpaceX com a Microsoft faz sentido, já que Jeff Bezos, da Amazon, é dono de uma empresa de foguetes concorrente, a Blue Origin, e também está buscando satélites de órbita baixa.

Deixe seu comentário