Publicidade
Início Newsletter (TI Inside) NETmundial recebe 188 propostas de conteúdo de 25 países

NETmundial recebe 188 propostas de conteúdo de 25 países

0
Publicidade

A NETmundial, conferência internacional sobre governança global da internet, que ocorre em São Paulo nos dias 23 e 24 de abril, reunindo representantes da sociedade civil, do setor privado, da academia, da comunidade técnica, além de governos de mais de 80 países, recebeu 188 propostas de conteúdo de 25 países. As sugestões irão orientar o debate dos temas que nortearão a conferência, e vai abordar questões como a privacidade na rede e o direito à liberdade de expressão.

Os Estados Unidos foram o país que apresentaram o maior número de contribuições de conteúdo, seguido por Brasil e França. Facebook e Google figuram entre os participantes do setor privado norte-americano que enviaram propostas.

“Tivemos 31% de contribuições de conteúdo derivadas da sociedade civil e 23% do setor privado, o que mostra o aspecto multissetorial da conferência”, diz o coordenador do evento e secretário de Política de Informática do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), Virgilio Almeida. “Em outras palavras, a NETmundial não é uma conferência de governo, mas um evento global que reúne diversos setores da sociedade”.

No geral, os temas que apareceram com maior frequência entre as propostas enviadas são: direitos humanos; inclusão e universalidade de acesso à internet; participação dos governos; e importância do crescimento econômico relacionado à internet tendo a inovação como característica do setor. “As contribuições vieram de múltiplos setores e vários dos pontos abordados levarão à aceitação de questões novas”, observa Virgilio, que também coordena o Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br).

As propostas podem ser acessadas no endereço: http://content.NETmundial.br/docs/contribs.

Pluralidade

A Secretaria Executiva da conferência tem coletado dados com o objetivo de entender melhor as características do público que pretende participar do evento. No período de 5 a 28 de fevereiro, foram registrados 869 pedidos de interesse de participação presencial no encontro.

“Além dos 80 países que já haviam confirmado a inscrição, recebemos pedidos da sociedade civil, academia, empresas privadas e governos de outros países”, informou o secretário do MCTI. O volume maior de interesse é do setor privado (28,8%) e da sociedade civil (25,4%), seguido por governos (14,1%), setor acadêmico (13,5%) e comunidade técnica (12,8%).

O recorte por continente indica que o principal grupo interessado em participar vem da região da América Latina e Caribe (38%), enquanto América do Norte e Europa apresentam volume similar (17,1% e 16,9%, respectivamente), seguido da Ásia (13,7%), África (10,7%) e Oceania (3,2%).

Países

Além do Brasil, 11 países atuam como anfitriões do evento: África do Sul, Alemanha, Argentina, Coreia do Sul, Estados Unidos, França, Gana, Índia, Indonésia, Tunísia e Turquia.

Os países deverão trazer até seis participantes, sendo dois representantes de governo, dois do setor privado e dois da sociedade civil organizada. Já está confirmada a participação do criador da rede mundial de computadores (World Wide Web), Tim Berners-Lee, e de um dos fundadores da internet, Vint Cerf.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Sair da versão mobile