Ministro diz que projeto da terceirização vai facilitar contratações

0

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse nesta terça-feira, 21, que a aprovação do Projeto de Lei (PL) 4.302/98), que flexibiliza as regras para terceirização de mão de obra, em tramitação na Câmara dos Deputados, vai facilitar a contratação de trabalhadores.

"Ajuda muito porque facilita a contratação de mão de obra temporária, facilita a expansão do emprego. Empresas resistem à possibilidade de aumentar o emprego devido a alguns aspectos de rigidez das leis trabalhistas", disse, após reunião com a bancada do PSDB na Câmara dos Deputados para discutir a reforma da Previdência.

A discussão e votação do projeto que regulamenta a terceirização e o trabalho temporário foi adiada para esta quarta-feira, 22. O relator do projeto, deputado Laercio Oliveira (SD-SE), explicou que não houve tempo hábil para o início da discussão na noite desta terça-feira, visto que a Ordem do Dia só foi iniciada por volta das 20h e havia a previsão de obstrução de partidos contrários à proposta.

"Como haveria pouco tempo restante da sessão para discutir a proposta e para evitar qualquer especulação de que se tentaria debater a matéria na calada da noite, optou-se por deixar para esta quarta-feira. Assim, venceremos a obstrução e votaremos a proposta", disse o relator, que estipulou que todo o processo deve durar por volta de dez horas. Com informações da Agência Brasil e Agência Câmara.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui