Lenovo encerra quarto trimestre fiscal com expansão de 35% no lucro líquido

0
0

A Lenovo fechou o quarto trimestre do ano fiscal de 2013-2014, encerrado em 31 de março, com alta de 35% no lucro líquido, que saltou de US$ 124 milhões, no mesmo período do exercício fiscal anterior, para US$ 168 milhões. Na mesma base de comparação, a receita da fabricante chinesa de PCs contabilizou US$ 9,3 bilhões, cifra 19% superior aos US$ 7,8 bilhões obtidos um ano antes.

Durante o trimestre fiscal, as remessas de notebooks e desktops apresentaram market share de 19% e 16,1%, respectivamente. Já os embarques de smartphones aumentaram 59,4% e os de tablets e PCs tiveram crescimento de 18%.

Na quebra da receita por região, a China respondeu por 33% da receita total da companhia no período, somando US$ 3,1 bilhões. A região que engloba Europa, Oriente Médio e África (EMEA) foi responsável por 27% da receita (US$ 2,5 bilhão). Já as Américas representaram 21% da receita, totalizando US$ 1,9 bilhão, enquanto a região da Ásia-Pacífico representou 19% da receita da fabricante, totalizando US$ 1,7 bilhão.

Considerando todo o ano fiscal de 2013-2014, o lucro líquido da Lenovo foi de US$ 817 milhões, alta de 29% comparada aos US$ 631 milhões registrados no ano fiscal anterior. A receita também apresentou crescimento, de 14%, contabilizando US$ 38,7 bilhões contra US$ 33,8 bilhões na mesma comparação. Durante o período, as vendas de notebooks e desktops tiveram participação de mercado de 18,4% e 16,7%, respectivamente, enquanto os embarques de smartphones totalizaram 50 milhões de unidades, alta de 72%, e os de tablets quadruplicaram, totalizando 9,2 milhões.

 

Deixe seu comentário