Publicidade
Início Newsletter (TI Inside) Até abril, empresas de tecnologia contrataram mais do que em todo o...

Até abril, empresas de tecnologia contrataram mais do que em todo o ano de 2020

1
Publicidade

Apenas de janeiro a abril de 2021, o Macrossetor de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) foi responsável pela inclusão de 69.048 pessoas no mercado de trabalho brasileiro. O número, que evidencia uma impressionante recuperação do setor em relação a 2020, é um dos destaques da última edição do Monitor de Empregos e Salários, publicado pela Brasscom.

Em meio às incertezas geradas pelo início da pandemia, 23,7 mil postos de trabalho foram encerrados somente em abril do ano passado. Mas, de acordo com o relatório da Brasscom – entidade que representa as principais empresas de TIC e Tecnologias Digitais do país –, a retomada foi rápida.

A curva de criação de empregos voltou a registrar saldos positivos ainda em junho do ano passado e, desde então, tem se mantido, mês a mês, com números elevados.

No primeiro trimestre deste ano, foram 52,7 mil contratações. Somadas aos 16,3 mil novos empregos registrados em abril, o Macrossetor de TIC ultrapassou, em quatro meses (69 mil), o saldo de todo o ano de 2020 – que fechou com 59 mil postos de trabalho criados.

Déficit

Em outro estudo, a Brasscom estimou que, a partir de 2019, seria necessária, em média, a contratação de 70 mil pessoas por ano. Segundo o Estudo Formação Educacional e Empregabilidade em TIC, somente assim seria suprida a demanda do setor – de 420 mil profissionais até 2024.

O principal entreve, para a ocupação plena das vagas, tem sido a falta de talentos qualificados no setor. A demanda reprimida é 25% em Internet das Coisas, 11% em Segurança, 10% em Big Data, 6% em Nuvem e 2% em Inteligência Artificial. Completam a lista profissionais administrativos (19%), de nível técnico (14%) e em outras tecnologias (13%).

1 COMENTÁRIO

Deixe seu comentário

Sair da versão mobile