Transformação digital na área de saúde apenas começou, diz relatório da Accenture

0
117

Enquanto os líderes empresariais da área de saúde traçam estratégias para o mundo pós-pandemia, uma coisa é evidente: a transformação digital apenas começou. Na verdade, 81% dos executivos de saúde afirmam que o ritmo de transformação digital de suas organizações está acelerando e 93% relatam que estão inovando com um senso de urgência e apelo à ação este ano, de acordo com o relatório Accenture Digital Health Technology Vision 2021.

A indústria aceitou que o digital veio para ficar, com 87% dos executivos dizendo que as estratégias de negócios e tecnologia de suas organizações estão se tornando inseparáveis.

Mesmo assim, a Accenture identificou cinco tendências emergentes que as empresas precisarão abordar nos próximos anos para dominar a transformação digital. A empresa combinou suas próprias percepções com os resultados da pesquisa de 399 executivos de saúde em seis países para apresentar as tendências.

"Os líderes executivos de hoje e de amanhã serão aqueles que podem responder rapidamente a um futuro de saúde que coloca o ser humano no centro de tudo o que faz e prioriza a inovação tecnológica ao mesmo tempo", disse o Dr. Kaveh Safavi, diretor administrativo sênior da Accenture's Global Health Practice e um dos autores do relatório

A primeira tendência que as organizações precisam estar cientes para se manterem competitivas no futuro é uma infraestrutura de tecnologia estrategicamente escolhida, pois nesta nova era para a saúde, a tecnologia não é mais padrão para todos "Existem mais opções de tecnologia do que nunca e as seleções que uma organização faz podem definir sua proposta de valor hoje e amanhã", diz o relatório.

Ele sugere o investimento em tecnologias básicas, escalonáveis ??e flexíveis, como nuvem, APIs de microsserviço e análises para obter uma vantagem competitiva. Ao mesmo tempo, sugere que as organizações devem priorizar a privacidade de dados e projetos éticos, incluindo a mitigação de preconceitos, conforme constroem suas arquiteturas de tecnologia.

Uma tecnologia específica que um quarto dos executivos de saúde relatam experimentar são gêmeos digitais, como IoT, streaming de dados e 5G.

"O mundo espelhado permitirá que os líderes de saúde reúnam dados e inteligência em escalas sem precedentes; perguntar e responder a perguntas gerais críticas para sua sobrevivência; e reimaginar como eles operam, colaboram e inovam", explicaram os autores do estudo.

Quer os gêmeos digitais sejam implantados em um ambiente clínico para modelar cenários futuros ou no lado comercial para melhorar a eficiência operacional, a Accenture enfatiza a importância de uma base de dados sólida para que sejam eficazes.

Outra tendência é a capacidade de tecnologias emergentes, como processamento de linguagem natural, plataformas de baixo código e automação de processos robóticos, de democratizar a tecnologia e capacitar as pessoas nas organizações.

Além de capacitar sua força de trabalho por meio de treinamento técnico, as organizações podem obter outras vantagens utilizando trabalho remoto, de acordo com o relatório. Quase 90% dos executivos de saúde acreditam que ter uma força de trabalho remota abre o mercado para talentos difíceis de encontrar e expande a competição por talentos entre as organizações.

Embora algumas áreas da saúde devam ser conduzidas em um ambiente clínico, há muitas funções que podem ser melhoradas com requisitos de trabalho flexíveis, especialmente quando auxiliados por ferramentas digitais que podem promover culturas de trabalho em qualquer lugar, diz o relatório.

A tendência final se baseia nas colaborações multipartidárias que utilizaram plataformas de dados compartilhadas durante a pandemia.

"Quando você é mais capaz de realizar transações, compartilhar dados e alternar entre parceiros de maneira contínua e segura, tem a vantagem de conduzir uma mudança no nível da indústria que permite um melhor atendimento às pessoas", diz o relatório.

FÓRUM SAÚDE DIGITAL

Acontece nos dias 29 e 30 de junho, a 12a edição do Fórum saúde Digital, que vai discutir diferentes aspectos da transformação digital do setor. Mais informações em www.forumsaudedigital.com.br

Deixe seu comentário