Solução de teste mobile em dispositivos reais supera as limitações dos emuladores e simuladores

0
11

Mais de 71 milhões de brasileiros acessam a Internet somente pelo celular e são usuários que acessam serviços online buscando a melhor experiência no acesso aos serviços preferidos e não desejam se decepcionar com aplicativos que não funcionam corretamente em seu aparelho, independente da marca, modelo ou sistema operacional. Para ajudar as empresas e desenvolvedores de aplicativos a superarem as limitações dos testes mobile realizados em emuladores e simuladores, a Kobiton está oferecendo uma solução que permite superar essas limitações e usa Inteligência Artificial e aprendizado de máquina para automatizar os processos e acelerar o trabalho das equipes de QA (Quality Assurance). 

A proposta da plataforma Kobiton é proporcionar a validação correta e com qualidade de seus aplicativos antes do lançamento no mercado em mais de 300 modelos de aparelhos disponíveis, facilitando eliminar os os constantes problemas causados pelo abandono dos usuários, que fogem de aplicativos não funcionais e querem melhor experiência. 

A mais recente versão possui vários novos recursos, melhorou diversas funcionalidades, ganhou para Payload Capture, Jira Custom Fields, aprimorou os testes baseados em dados e permite a verificação da  saúde e integridade do dispositivo.

Juan Carlos Cerrutti, Diretor da Kobiton para América Latina, explica as diferenças entre testes de software mobile realizados em emuladores, simuladores e dispositivos reais: os emuladores imitam um dispositivo de destino em seu computador, enquanto que os simuladores criam um ambiente virtual que imita o comportamento interno e as configurações de um aplicativo no sistema operacional de um dispositivo móvel. Por sua vez, os testes em dispositivos reais realizam os testes dos aplicativos em um base de aparelhos verdadeiros remotamente através da nuvem. 

De acordo com o executivo, existem muitos prós no uso de emuladores e simuladores, mas também muitas desvantagens em comparação com os testes em dispositivos reais. Entre estas desvantagens, Cerrutti aponta pelo menos cinco desafios: 1) não é possível emular ou simular dados em tempo real; 2) a ausência de cobertura de teste, ou seja, a abrangência dos testes é restrita; 3) eles são muito menos confiáveis e mais lentos do que testes em dispositivos reais; 4) não refletem com precisão os cenários do mundo real e, e os resultados são drasticamente diferentes ao executar a regressão; e 5) os emuladores e simuladores são muito mais limitados em recursos em comparação com dispositivos reais. 

Aprendendo com os erros realizar testes melhores 

A maior vantagem da Kobiton NOVA AI Engine, segundo Cerruti, é a capacidade da plataforma aprender com os erros continuamente, ficando mais inteligente a cada teste executado, diferentemente do que ocorre com os emuladores e simuladores. 

Como o uso dos aparelhos móveis cresce exponencialmente no Brasil, os testes mobile precisam ser melhores para acompanhar esta evolução do mercado. "Por exemplo, em segmentos altamente regulados, como os serviços financeiros digitais, os aplicativos convivem com uma concorrência muito acirrada e necessitam garantir a melhor a experiência para o usuário, sem interrupção, sem erros. Ao promover os melhores testes mobile com foco na experiência do usuário, as empresas poderão fornecer aplicativos rápidos e eficientes sem comprometer qualquer funcionalidade que faça o cliente abandonar o seu serviço", comenta o executivo. 

A Kobiton atua no fornecimento de plataforma de automação de testes mobile em dispositivos reais e recentemente lançou a sua mais nova tecnologia, NOVA AI Engine, direcionada à Mobile Experience e que visa superar os desafios de testes baseados em Inteligência Artificial. A solução foi desenhada para executar o aprendizado de máquina contínuo durante os testes e fortalecer o trabalho das equipes de QA (Quality Assurance). 

No Brasil, a Kobiton atua com uma ampla rede de parceiros composta por seis empresas brasileiras especializadas em consultoria em Quality Assurance e testes de software para diversos mercados: Better Now, Grupo HDI, Keeggo, Link Consulting, RPerformance e SVLabs, que respondem pela entrega de serviços e suporte ao seu portfólio de produtos dedicados a ajudar os desenvolvedores e empresas a gerenciarem seus dispositivos mobile e garantir que seus aplicativos funcionem corretamente nos aparelhos dos usuários, com foco na Mobile Experience. Globalmente, empresas como IBM, Coca-Cola e Uber contam com a tecnologia Kobiton para seus testes mobile. 

Deixe seu comentário