Atos renova porfólio de serviços para se aproximar a fintechs

0
15

A Atos anunciou três novas iniciativas para fortalecer seu programa global de Parcerias com Fintechs. O objetivo é aproximar Fintechs, InsurTechs e RegTechs a empresas de Serviços Financeiros para co-criarem e levarem ao mercado novos serviços. As três novas iniciativas da Atos são: FinLab, plataforma baseada na nuvem para facilitar a criação de novos serviços conjuntos; o FinHub, um programa de integração de Fintechs; e o FinNet, um portal de conhecimento com tendências e insights.

O FinLab é uma plataforma híbrida baseada na nuvem, combinada com a expertise comercial, técnica e de integração de APIs da Atos, que permite que bancos, seguradoras e suas parceiras de Fintech selecionadas desenvolvam novos serviços. Um dos seus recursos é a capacidade de criar jornadas fim-a-fim específicas do cliente, as quais reúnem serviços combinados e APIs de diversas soluções de Fintech, para demonstrar funcionalidade e benefícios a possíveis clientes.

Com o FinHub, as Fintechs têm acesso a uma ampla rede de importantes empresas de Serviços Financeiros com total apoio jurídico e mercadológico da Atos para desenvolverem uma oferta colaborativa que impulsionará o crescimento conjunto dos negócios num programa de integração de 2 a 4 semanas. As empresas de Serviços Financeiros se beneficiam do acesso rápido a uma grande comunidade de Fintechs preparadas, pré-avaliadas e com qualidade garantida, combinadas aos ativos da Worldline e apoiadas pela gestão completa de integração da Atos com proteção de riscos.

Já o FinNet é portal de conhecimento que oferece uma visão das constantes mudanças do cenário de Fintech no mundo todo, visão esta que é alimentada por pesquisas de equipes especializadas em inteligência do cliente e de mercado, bem como pela expertise dos 135 especialistas globais da Comunidade Científica da Atos. Ela é reforçada, ainda, pelo envolvimento de uma rede internacional de Comunidades de Fintech para oferecer uma perspectiva pan-europeia.

Deixe seu comentário