CR Almeida centraliza cadastro de materiais com solução da Astrein

0
37

A CR Almeida Engenharia de Obras contratou a solução da Astrein para centralizar e padronizar os itens do seu cadastro de materiais. O objetivo da companhia é ter melhor gerenciamento das compras e, consequentemente, reduzir os custos de suas obras.

Segundo Rodrigo Manassés, gerente de apoio a suprimentos da CR Almeida, a empresa não tinha uma base de produtos padronizada no nível adequado as necessidades da área de suprimentos.

"O cadastro de produtos anterior era restrito, genérico e sem um padrão de descrição compatível com o mercado, ou seja, a nomenclatura utilizada normalmente não auxiliava os compradores na especificação do que deveria ser adquirido. Em certos casos, havia também a duplicidade de itens de um mesmo produto", afirma.

Outro problema enfrentado era a dificuldade no controle de estoque devido ao fato de que frequentemente um item genérico correspondia a mais de um produto, causando assim distorções nos preços médios.                        

O projeto foi iniciando em agosto do ano passado e concluído em maio de 2013. Neste período, a Astrein realizou um levantamento de todo o banco de dados da companhia e identificou as principais necessidades.

Com base no levantamento foi feita a implementação do software para a gestão de cadastro, a aquisição de uma base cadastral pronta com 15 mil itens, além da contratação dos serviços de governança, que garantirá a manutenção da base de dados ao longo do tempo.

A partir do início da implementação da central de cadastros a empresa já pode observar resultados como economia por compras mais assertivas, classificação fiscal adequada, melhor gestão da área de suprimentos, controle de compras e indicadores por obra, formação de base de itens confiável e disponível em outros idiomas.

"Os principais benefícios foram a melhoria da comunicação das áreas solicitantes, com o suprimento pela especificação de cada produto e a redução, e até mesmo a eliminação, dos erros existentes.", explica Manassés.

Atualmente a solução é utilizada pelas áreas de suprimento, engenharia, propostas, gestão de equipamentos, controle de custos e contabilidade. No futuro, a empresa tem a intenção de ampliar o escopo do projeto, incluindo na base de dados a aquisição de novos itens já padronizados e conjunto de produtos.

Deixe seu comentário