GoPro reverte prejuízo e registra forte aumento da receita no segundo trimestre

0
0

O bom desempenho das vendas da nova câmera Hero4 Black contribuiu para o forte aumento da receita e volta do azul na última linha do balanço da fabricante de câmeras digitais GoPro no segundo trimestre deste ano.

A receita subiu 72%, para US$ 419,9 milhões, enquanto o lucro atingiu US$ 35 milhões, revertendo prejuízo de US$ 19,8 milhões em igual período de 2014. Excluindo os custos relacionados a despesas com compensação e de aquisição de empresas, a empresa registrou um ganho de US$ 0,35, acima dos US$ 0,08 contabilizados no ano anterior.

A Hero4 é a mais recente da linha de câmeras portáteis — do tamanho de um cubo de gelo ­— e que têm tido muito boa aceitação entre surfistas e ciclistas que procuram maneiras inusitadas de gravar.

Em abril, a GoPro adquiriu a Kolor, empresa francesa especializada em softwares de realidade virtual, por um valor não revelado. Nesta semana, a companhia também anunciou planos de rentabilizar o conteúdo de vídeo que os usuários criam por meio de uma plataforma de licenciamento.

"Não poderíamos estar mais orgulhosos do nosso ritmo agressivo de inovação. Com a introdução da Hero4 Session e Hero + LCD, já lançamos cinco novas câmeras nos últimos dez meses, que contribuíram para o forte resultado do segundo trimestre", disse o presidente-executivo (CEO) da GoPro, Nicholas Woodman, em teleconferência com analistas.

Deixe seu comentário