Lenovo adquire negócio de servidores da IBM por US$ 2,3 bilhões

1
8

A chinesa Lenovo anunciou nesta quinta-feira, 23, que firmou acordo definitivo para adquirir o negócio de servidores low-end x86 da IBM por US$ 2,3 bilhões, dos quais US$ 2 bilhões serão pagos em dinheiro e o restante em ações. A transação, que está sujeita a condições habituais de fechamento, inclui a compra dos servidores System x, BladeCenter, Blade Flex, NeXtScale e iDataPlex, bem como operações de manutenção.

Com a conclusão do negócio, a Lenovo irá assumir as operações de atendimento ao cliente e manutenção relacionados da IBM e pretende ainda  oferecer emprego para cerca de 7,5 mil funcionários da companhia em todo o mundo. Para a Lenovo, a aquisição pode ajudá-la a tornar-se competitiva no mercado de servidores empresariais, enquanto para a IBM, pode lhe auxiliar a focar em áreas mais lucrativas tais como software e serviços.

"Esta aquisição demonstra a nossa vontade de investir em negócios que podem ajudar a impulsionar o crescimento rentável e ampliar ainda mais nossa estratégia para além do segmento de PCs", disse Yang Yuanqing, presidente e CEO da Lenovo, em comunicado.

No ano passado, a fabricante chinesa de PCs já havia mostrado interesse em adquirir o negócio de servidores da IBM, o que não se concretizou, já que as partes não concordaram no preço. Já na semana passada, fontes familiarizadas ao assunto relataram ao The Wall Street Journal que a fabricante chinesa teria retomado as negociações, assim como a Dell também havia mostrado interesse pela compra.

1 COMENTÁRIO

Deixe seu comentário