Ações da HP têm alta de quase 7% após divulgação de resultado trimestral

0
22

Apesar de reportar queda na receita e anunciar o corte de mais 16 mil funcionários, os resultados financeiros da HP referentes ao segundo trimestre do ano fiscal de 2014, encerrado em 30 de abril, agradaram os investidores. Um dia após a divulgação do balanço, as ações da empresa abriram o pregão desta sexta-feira, 23, na Nasdaq, cotadas a US$ 32,27, ligeira alta de 1,5% em relação ao fechamento do dia anterior, sendo que em poucas horas atingiram o pico de US$ 33,94, aumento de 6,8%, por volta das 13h40 (horário de Brasília). O bom desempenho da HP na Nasdaq perdurou durante o dia e as ações da companhia encerraram o pregão cptadas a US$ 33,78, alta de 6,29%.

De acordo com o balanço financeiro, a HP registrou lucro líquido de US$ 1,27 bilhão, cifra 18% maior que a apurada no segundo trimestre do exercício fiscal anterior e lucro ajustado de US$ 0,88 por ação, resultados que ficaram em linha com as estimativas de analistas, apesar de sua receita ter ficado abaixo das expectativas, conforme informou a Dow Jones, editora proprietária do The Wall Street Journal.

Na quebra por segmentos, a receita do grupo de sistemas pessoais foi a única que cresceu no segundo trimestre fiscal, somando US$ 8,1 bilhões, alta de 7% em relação à registrada no mesmo período do ano fiscal passado, enquanto a receita com vendas de software permaneceu estável, contabilizando US$ 971 milhões.

Apesar da alta nas ações, a queda na receita ofuscou o lucro maior e fez com que a recuperação da HP perdesse força no segundo trimestre fiscal. Como consequência, a empresa anunciou que vai cortar um adicional de 11 mil a 16 mil postos de trabalho em todo mundo, de um total de 34 mil empregos que ela havia declarado anteriormente que iria eliminar, como parte de um plano de reestruturação de vários anos.

Deixe seu comentário