Pesquisa da Teradata e Forbes Insights aponta desalinhamento entre Marketing e TI

0
12

A Teradata Corporations, em parceria com a Forbes Insight, anunciou um novo estudo para CMOs e outros executivos sênior da área de marketing, intitulado: "Quebrando os silos de marketing: a chave para alcançar a satisfação do cliente e melhorar seus resultados".

Não é novidade que o alinhamento entre as diversas áreas é um tópico frequente das discussões da liderança, na maioria das empresas. No entanto, mesmo com as companhias endereçando a colaboração e o trabalho entre áreas funcionais, a pesquisa conduzida em 2013 pela Teradata, que serviu de base para o estudo, mostra que os alinhamentos internos entre os departamentos ainda desafiam os líderes de marketing.

Nesta pesquisa, apenas 56% dos profissionais de marketing entrevistados disseram que também realizam outras atividades, como parte de um processo regular do seu trabalho. Um grupo de profissionais, cerca de 1/3, inseriu junto com as outras atividades, atividades ad hoc em cada projeto. E, 74% dos profissionais de marketing disseram que Marketing e TI não trabalham como parceiros estratégicos em suas companhias.

Então, o que impede os profissionais de marketing de ser mais integrados com outras áreas funcionais? Parte do desafio parece ser natural da área de marketing. Existem silos dentro dos próprios departamentos de marketing em companhias B2B e B2C, primeiramente, por que a maioria dos departamentos de marketing é, por natureza, segmentada, de acordo com as funções, como publicidade, relações públicas, pesquisas de indústria e mercado, marketing digital, marketing de relacionamento e comunicação corporativa, por exemplo. Os silos dos departamentos de marketing podem desmotivar os empregados, criar tensões, enfraquecer a satisfação do cliente, reduzir a eficiência e aumentar os custos, e corroer os resultados.

Para compartilhar alguns métodos de sucesso de empresas líderes que superaram o problema de silos, a Forbes Insight, em parceria com a Teradata, entrevistou CMOs de organizações, como Citrix, Conversant, HubSpot, Juniper Networks e Wi-Fi Alliance. O resultado é um projeto, ainda que um roadmap, para outros CMOs e líderes de marketing que querem ter equipes mais integradas, aumentar o engajamento dos clientes e gerar maiores receitas.

A pesquisa explora algumas questões chave, tais como: Os silos de marketing têm origem no nível organizacional mais alto? Como os CMOs resistem aos efeitos dos silos, principalmente em um ambiente onde todos estão competindo fortemente por uma fatia do budget de marketing? E como podem os  do século XXI criar um departamento de marketing coesivo, criativo e integrado, que entrega um melhor produto e mensagem ao cliente?

"Hoje os líderes de marketing têm muitas opções organizacionais e tecnológicas para endereçar os problemas de silos, e, ao mesmo tempo, considerar que o tema deve ser enfocado sob um prisma estratégico, voltado a dados, criando uma cultura que unifica a tomada de decisão, focando especificamente na experiência do cliente", afirma Lisa Arthur, CMO da Teradata Marketing Applications. "Quebrar os silos é um passo crítico para alcançar sucesso em marketing focado em dados, e esperamos que essa nova pesquisa ajudará os líderes de marketing, em nível mundial, a eliminar o problema".

O estudo "Quebrando os Silos de Marketing" e respectivo infográfico estão disponíveis para download no site web da Teradata. "Independentemente, se que você supervisiona o departamento de marketing de uma empresa global sem fins lucrativos, de uma empresa 'Forbes Global 2000', ou de uma pequena startup, essa pesquisa o ajudará a pensar de forma diferente sobre os silos, superar as suas consequências negativas, e criar uma cultura mais cooperativa que beneficia as companhias e seus colaboradores", afirmou Bruce Rogers, Chief Insights Officer, da Forbes Insights. "Nós encorajamos os CMOs e outros em uma posição de liderança nos departamentos de marketing a aprender a partir dessas importantes descobertas".

Deixe seu comentário