Tempest lança serviço de informações sobre ameaças Intel Plus

1

As transformações digitais trouxeram uma série de inovações para suprir as necessidades de negócios e serviços, com uma significativa mudança no uso de ferramentas e processos. A adoção de serviços de cloud, implantação de IOT, programas de analytics, entre outras iniciativas aumentaram o risco cibernético dentro das organizações. Com essa enorme quantidade de dados circulando, as empresas são obrigadas a ter uma postura mais pró-ativa para proteger seus ativos e evitar perdas. É nesse contexto que a Tempest lança o serviço Intel Plus.

Complementando o serviço atual de inteligência de ameaças, a nova solução vem com o objetivo de aumentar a abrangência da coleta de informações sobre ameaças cibernéticas, por meio da inclusão de novas fontes globais de consulta e pesquisa. São elas: fontes abertas (blog e social media, fóruns, paste sites etc), fontes técnicas (Technical Collection, Dark web collection, notas internas, Certified Intelligence etc) e fontes de terceiros (responsável pelo monitoramento de ameaças globais).

"Visando manter nossos produtos e serviços na vanguarda de Threat Intelligence aumentamos a nossa cobertura de forma global indo além do que muitos provedores do mercado, que focam apenas em monitoração de mídias sociais e dark web. Nossa abordagem permite ter uma visão profunda e analítica, o que nos concede recomendar melhor as ações de remediação junto aos nossos clientes, bem como fazer com que eles tenham um melhor entendimento dos impactos de negócio e dos riscos digitais", afirma João Lins, VP de Tecnologia & Inovação e CTO da Tempest.

Com o serviço será possível entender as ameaças cibernéticas mais eminentes de segurança de tal forma que o cliente possa priorizá-las para correção ou mitigação; analisar o tamanho do problema e traçar uma estratégia de curto, médio e longo prazo para segurança dos ativos da organização; realizar um plano e mostrar a necessidade de orçamento, justificando o investimento; e identificar o nível de maturidade dos times e da empresa em inteligência cibernética, bem como direcionar os esforços nas estratégias e ações para mitigar as ameaças apontadas.

O novo serviço é destinado especialmente às empresas que têm visibilidade e presença global e desejam expandir seu nível de segurança contra ameaças cibernéticas referentes ao seu negócio.

Novos desafios

Segundo o Guide to Cyber Threat Information Sharing publicado pelo NIST, os ataques cibernéticos aumentaram em frequência e sofisticação, apresentando desafios significativos para organizações que devem defender seus dados e sistemas de atores de ameaças competentes. Esses atores podem ser desde invasores autônomos e individuais a grupos com bons recursos que operam de maneira coordenada como parte de uma empresa criminosa ou em nome de um Estado/Nação.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui