Fundo de hedge investe US$ 2 bilhões na Microsoft

0
0

A  ValueAct Capital Management anunciou a compra de US$ 2 bilhões em ações da Microsoft. Apesar de não revelar o percentual que a cifra representa, o montante sugere a posse de aproximadamente 1% para o fundo de hedge, conforme cálculos do The Wall Street Journal.

As declarações de Jeffrey Ubben, fundador do ValueAct, a respeito do aporte à companhia contribuíram para a alta de 3,6% nas ações da Microsoft na bolsa eletrônica Nasdaq na última segunda-feira, 23. Ao final do pregão, os papéis eram cotados a US$ 30,83 e alimentaram as esperanças dos acionistas sobre uma possível retomada na valorização da empresa, cujo último pico foi em 2002.

Em nota, a Microsoft deu boas-vindas a "excelentes perspectivas" para seus acionistas. "Estamos comprometidos em aumentar o valor para todos nossos investidores e continuaremos tomando ações as quais acreditamos que nos permitirão atingir este objetivo", diz o comunicado.

Normalmente, o ValueAct adquire participação em um seleto grupo de empresas, conhecido por buscar assentos no quadro de diretores e pedir mudanças na sua carteira de investimentos. Dessa vez, contudo, especialistas ouvidos pelo jornal não acreditam que apenas 1% seja o suficiente para ter alguma voz na gigante Microsoft. 

Deixe seu comentário