CEO da Cisco nega intenção de adquirir EMC e alerta para existência de uma bolha no setor

0
16

O CEO da Cisco Systems, John Chambers, refutou a especulação segundo a qual a fabricante de equipamentos de rede seria uma das possíveis interessadas em comprar a fornecedora de soluções de armazenamento e gerenciamento da informação EMC.

"[O CEO da EMC] Joe Tucci é um bom líder e um bom amigo… Se Joe e eu estivéssemos para fazer algo aqui, nós teríamos feito um ou dois anos atrás", disse ele, em resposta a uma pergunta de um repórter sobre contínuos rumores dando conta da aquisição da EMC.

O comentário do executivo foi feito durante um almoço organizado pelo The Wall Street Journal.

Chambers também alertou que alguns segmentos da indústria de tecnologia estão vivendo uma bolha que pode estourar e atingir todo o setor. "As empresas estão captando recursos muito cedo, e CEOs sabem disso", disse o executivo. "Eu acho que é uma preocupação muito real."

Para Chambers, se a economia tem um hit, é possível ver uma repetição do estouro da bolha de internet na década de 1990. "Se você for pego em uma ruptura econômica… você vai ver o mesmo tipo de crise que já viu antes", disse ele. "Se houver uma grande ruptura, a saída será apertar o cinto a tempo."

O executivo evitou citar nomes, mas analistas de mercado não escondem que os IPOs do LinkedIn e do Facebook, e mais recentemente do gigante chinês de comércio eletrônico Alibaba, bem como a aquisição do Instagram por US$ 1 bilhão, do Waze por R$ 1,3 bilhão e do Nest por US$ 3,2 bilhões, fizeram acender uma luz de alerta. Muitos deles começaram a se perguntar se não estamos no caminho de uma nova bolha.

Deixe seu comentário