Após queda de 46% na receita, BlackBerry confirma novo smartphone com Android

0
0

A BlackBerry confirmou nesta sexta-feira, 25, juntamente com a divulgação dos resultados financeiros referentes ao segundo trimestre do ano fiscal de 2016, encerrado em 29 de agosto, os rumores que circularam há alguns meses, de que irá lançar um smartphone com sistema operacional Android até o fim do ano, para alavancar as vendas de sua divisão de celulares.

Denominado BlackBerry Priv, o novo dispositivo não teve mais detalhes divulgados, tais como suas especificações e preço. De acordo com o CEO da BlackBerry, John Chen, o nome escolhido reflete o foco da empresa em proteger a privacidade dos consumidores na utilização de dispositivos móveis. "Estamos focados em fazer progressos mais rápidos para alcançar a lucratividade em nosso negócio de celulares. Hoje, estou confirmando nossos planos para lançar o Priv, um dispositivo Android que combina o melhor da segurança da BlackBerry e produtividade com o amplo ecossistema de aplicativos móveis disponíveis na plataforma Android", declarou o executivo.

Embora tenha encerrado o segundo trimestre fiscal com lucro de US$ 51 milhões, revertendo o prejuízo de US$ 207 milhões obtido em igual período do exercício fiscal anterior, a BlackBerry viu sua receita cair 46% no período, de US$ 916 milhões para US$ 490 milhões. A área de hardware respondeu por 41% da receita, a de serviços por 43% e a de software e outras, por 15%.

Na quebra da receita por região geográfica, a América Latina foi a região com o pior desempenho no período, arrecadando US$ 33 milhões, 70% a menos que no mesmo trimestre do ano fiscal de 2015. Na região da Europa, Oriente Médio e África (EMEA), a queda foi de 45%, de US$ 368 milhões para US$ 202 milhões. A América do Norte registrou recuo de 40%, com US$ 176 milhões, e a região da Ásia-Pacífico teve retração de 43%, contabilizando US$ 79 milhões em receita.

Nasdaq

Os resultados financeiros referentes ao segundo trimestre fiscal não agradaram os investidores. As ações da BlackBerry abriram o pregão da Nasdaq desta sexta-feira valendo US$ 6,80, queda de 3,2% em relação ao fechamento do dia anterior, de US$ 7,03. Por volta das 13h30 (horário de Brasília), os papéis atingiram recuo de 7,9%, negociados a US$ 6,47. As ações da BlackBerry encerraram o pregão cotadas a US$ 6,49, declínio de 7,6%.

Deixe seu comentário