Publicidade
Início Notícias Gestão Xerox investe em soluções de produtividade para nova colaboração remota

Xerox investe em soluções de produtividade para nova colaboração remota

0
Publicidade

As novas formas de trabalho decorrentes do confinamento para enfrentar a crise de saúde que começou em 2020 levaram à necessidade de novas ferramentas, sistemas de monitoramento, gestão e segurança adaptados e melhorados com vistas a ter o mais alto nível de produtividade das empresas e seus colaboradores.

Embora as novas formas de colaboração continuem evoluindo, é claro que sua natureza híbrida significa maior flexibilidade para trabalhar em casa. Neste sentido, as soluções digitais seguras serão fundamentais para qualquer oferta que permita flexibilidade.

As empresas estão investindo em novos recursos para apoiar uma força de trabalho híbrida, remota e no escritório, visto que 56% dos tomadores de decisão das empresas disseram que procurariam aumentar seus orçamentos de tecnologia e 34% planejaram acelerar sua transformação digital como resultado da COVID-19, de acordo com a pesquisa Future of Work da Xerox, realizada em  2020.

“Nossa visão como especialistas em produtividade no local de trabalho inclui uma combinação de trabalhadores no local, híbridos e remotos. É por isso que estamos prontos para permitir uma experiência de trabalho perfeita onde quer que as pessoas estejam”, diz Ricardo Karbage, diretor geral da Xerox Brasil.

Ferramentas de colaboração digital, soluções e serviços de automação de processos, bem como dispositivos multifuncionais, fortalecem a continuidade dos planos de operação diante da atual pandemia. Da mesma forma, com uma força de trabalho distribuída, a proteção contra ataques cibernéticos e riscos de segurança deve ser considerada.

Portanto, as empresas devem assegurar sua capacidade para compartilhar documentos, impressos ou digitais, com segurança, o acesso fácil dos trabalhadores às informações deve continuar para manter a colaboração e a produtividade, ao mesmo tempo em que se evita a perda de tempo com distrações de casa.

“Nossa abordagem há muito nos preparou com ferramentas e serviços de colaboração digital para a força de trabalho distribuída, facilitar a expansão das soluções na nuvem disponíveis “as a service” e responder às ameaças da cibersegurança através do desenvolvimento de capacidades e parcerias internas”, acrescenta Karbage.

As empresas tradicionais aceleraram o ritmo das mudanças para continuarem competitivas diante de organizações mais novas, menores e mais flexíveis. Os últimos sete meses mostraram que as reuniões podem acontecer remotamente, a criatividade ainda está viva, e os funcionários podem continuar sendo profissionais quando deixados à sua inteira responsabilidade.

‘Sem dúvida, a tendência é clara: houve uma revolução no trabalho. As empresas que oferecerem a seus funcionários mais segurança, flexibilidade e conectividade serão as mais destacadas”, finaliza.

SEM COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário

Sair da versão mobile