Empresa integradora auxilia lojas virtuais no uso de marketplaces

0
3

A integração de lojas virtuais em grandes marketplaces de comércio eletrônico está se tornando uma nova aposta no mercado. Para o lojista que quer entrar no mercado virtual é importante destacar que ele precisa ter principalmente duas coisas: estrutura e foco na operação. Estrutura para aguentar principalmente os picos de vendas que as ações de marketing dos grandes varejistas virtuais proporcionam. E foco para responder de forma ágil e com ofertas competitivas que realmente despertem a atenção do consumidor entre seus concorrentes no canal.

Para participar desse mercado, os pequenos lojistas precisam de uma ferramenta de integração, para viabilizar e publicar todo o catálogo de produtos para outro sistema com diferentes características, gerenciando transações em tempo real.

"Esses sistemas possibilitam a adequação de linguagens diversas permitindo a comunicação entre lojas: ou seja, as tecnologias de um sistema específico são interpretadas para viabilizar todo o catálogo de produtos por ele administrado para outro sistema com diferentes características. Desta forma imagens, descrições, especificações e atributos são compartilhadas de um sistema para o outro, bem como consultas de disponibilidade e acompanhamento do pedido", afirma Carlos Alves, CEO da IntegraCommerce, ferramenta que integra os principais marketplaces do mercado.

Para o lojistas, a ferramenta permite ao lojista a escolha de canais de venda, definição de categorias e publicação de produtos com apenas alguns cliques; precificação dinâmica: aumenta e diminui os preços para cada canal para garantir a competitividade; definição de percentuais de acréscimo ou desconto, baseado no preço padrão do produto; atualização de forma automática os pedidos: após faturar e despachar o pedido, os dados da nota fiscal e código de rastreio são enviados automaticamente para os canais de venda. Além disso, o status do pedido é atualizado em tempo real; estoque sempre atualizado, em todos os canais de venda. Inclusive com o fracionamento entre os canais de acordo com a demanda; hospedagem em plataforma já consolidada no mundo online, aumentando a visibilidade nas buscas orgânicas.

Multiplos canais

Ao integrar vários marketplaces, a Integracommerce proporciona ao pequeno varejista muito mais visibilidade dos produtos e menor investimento em marketing para alavancar as vendas. Além disso, possibilita que o lojista gerencie todos os seus canais de venda em uma única interface.

"A ideia surgiu após identificarmos os desafios de lojas de todos os tamanhos para exporem seus produtos em grandes e-commerces e do retrabalho que enfrentam ao manterem as vendas em vários canais", explica Alves. De acordo com o executivo, frente à concorrência com grandes lojas virtuais, a integração é uma ótima solução para que o pequeno e médio varejista mantenha e, também, conquiste novos espaços no mercado. "Nosso foco é automatizar as operações e trazer novas possibilidades de negócios para os lojistas, aumentando a taxa de conversão e o ticket médio".

Com faturamente aproximado de RS$ 12 milhões por ano, seus principais clientes são dos setores de móveis, artigos para casa, eletrônicos e beleza.  "Nossa meta para 2016 é ampliarmos a base para três mil clientes e fecharmos com um afaturamento de RS$ 50 milhões", finaliza.

Deixe seu comentário