Receita de cloud da Nice cresce 29% em 2019

0
0

A NICE divulgou seus resultados referentes ao quarto trimestre e ao exercício completo de 2019, encerrados em 31 de dezembro 2019. A receita recorde de US$ 1.574 bilhão é resultado do aumento de 9% em relação ao ano anterior.

O destaque da empresa em 2019 foi a receita de cloud, de US$ 596 milhões, cujo aumento foi de 29% em relação ao ano anterior.

"Encerramos o ano de forma bastante positiva, com sólidos resultados financeiros impulsionados pela força constante das nossas receitas de cloud", disse Barak Eilam, CEO da NICE. "Nossas receitas de cloud, que representaram 38% da receita total no ano de 2019 – em comparação a 32%, em 2018 – foram impulsionadas pela adoção rápida e contínua da nossa plataforma CXone em todos os segmentos de mercado. Em 2019, também mantivemos um importante foco na eficiência operacional, comprovado pelo crescimento constante da margem operacional e dos ganhos por ação da nossa empresa".

De acordo com Eilam, 2019 foi um ano crucial para o Plano NICE 2020. "Superamos grande parte das metas que estabelecemos para nós mesmos no início do plano. Certamente o sucesso que obtivemos está abrindo caminho para o Plano NICE 2025. Nos próximos anos, continuaremos a testemunhar mudanças rápidas em nossos mercados, que incluem a escolha da nuvem como padrão para empresas de todos os portes, o crescimento exponencial dos negócios digitais e a utilização de IA e soluções analíticas para potencializar todos os processos existentes. Estamos na vanguarda e em uma posição competitiva muito sólida ao oferecer as três plataformas mais robustas do nosso mercado: a CXone, para Experiência do Cliente; a X-Sight para Crimes Financeiros e Compliance; e a NICE Investigate para Segurança Pública".

Deixe seu comentário