Documento veicular digital completa um mês com 11 mil usuários em Brasília

0
0

Após um mês de lançamento da versão digital do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV), cerca de 11 mil motoristas do Distrito Federal já estão utilizando a tecnologia. O número representa 1,2% da frota local de veículos.

No DF, existe um público potencial de 1 milhão e 600 mil usuários que ainda podem adotar a versão eletrônica do documento veicular. Para utilizar o CRLV digital, basta baixar o aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT), fazer o cadastro no Portal de Serviços do Denatran e seguir o passo a passo. Não é necessário que o motorista seja usuário também da CNH digital. Por enquanto, só os brasilienses podem utilizar o documento veicular mas, até o fim do ano, todos os 27 Detrans do país estarão oferecendo o serviço.

Disponível nas lojas da Apple e Android, a CDT é um APP que abriga tanto a CRLV quanto a CNH digitais. Nele, o usuário pode adicionar qualquer um dos dois documentos eletrônicos. Quem já instalou o aplicativo da CNH Digital não precisa realizar o download da CDT. O aplicativo será atualizado de forma automática, desde que essa opção de atualização esteja selecionada nas configurações do dispositivo móvel.

Recomenda-se que o usuário esteja atento ao procedimento de atualização, até porque os antigos aplicativos da CNH digital serão descontinuados e transformados em Carteira Digital de Trânsito. Também é bom lembrar que o CRLV digital só será expedido após a quitação dos débitos relativos a tributos, encargos e multas de trânsito e ambientais vinculados ao veículo, bem como o pagamento do DPVAT.

Já a CNH digital, que foi lançada em outubro de 2017, possui, atualmente, mais de 418 mil usuários em todo o país. Nos meses de agosto e setembro, houve um crescimento nacional de cerca de 30% na utilização do documento eletrônico. São Paulo lidera o ranking com o maior número de motoristas, com cerca de 76 mil cadastrados, seguido pelo Rio Grande do Sul e Goiás, com respectivamente 71 mil e 39 mil motoristas. Proporcionalmente, Goiás tem o maior número de usuários, com 4,2% das CNHs com QR Code do estado utilizadas também em sua versão digital.

Deixe seu comentário