Microsoft rebate Proteste e nega que imponha a atualização para o sistema operacional Windows 10

1
2

A Microsoft rebateu a acusação da associação de consumidores Proteste de que impõe a atualização para o Windows 10 a usuários de versões anteriores de seu sistema operacional. Em nota enviada a este noticiário, a fabricante de software esclarece que a atualização do Windows 10 sempre foi voluntária e não é automática ou obrigatória. "Não há qualquer tipo de imposição ao usuário. Os usuários têm a opção de não aceitar a atualização do Windows 10, permanecendo com as versões que já usam. Se, após eventual atualização para o Windows 10, o consumidor decidir que prefere sua versão anterior, ele tem então a opção de, durante um período de 31 dias após a atualização, retornar também gratuitamente", diz o comunicado.

A empresa também ressalta que a atualização do Windows 10 está sendo oferecida, de forma gratuita — desde que instalada entre o dia 29/07/2015 e o dia 29/07/2016 —, para consumidores detentores de computadores em que se encontrem instaladas as versões Windows 7 SP1 e Windows 8.1. Ela também informa que durante o período da oferta gratuita da atualização do Windows 10 vem utilizando o aplicativo GWX para alertar os seus usuários sobre essa possibilidade. Os usuários podem controlar esses alertas, inclusive fazendo cessá-los por completo.

"A Microsoft vem se esforçando para garantir que a opção, voluntária e gratuita, pela atualização do Windows 10 esteja sendo clara e devidamente informada aos usuários. Para tanto, a Microsoft fornece aos usuários vastas informações acerca da nova versão e das novas mudanças por ela trazidas, disponibilizando canal 'FAQ' exclusivo no site da empresa e várias notícias sobre o tema. O aplicativo GWX, o canal 'FAQ', o website da Microsoft e outros meios foram todos desenvolvidos para auxiliar os usuários a fazerem, caso optem por atualizar seu sistema operacional, uma escolha consciente e bem informada", prossegue a nota.

Por fim, a empresa  esclarece que não condiciona produtos ou serviços ao fornecimento de outros produtos ou serviços e, tampouco, entrega produtos ou serviços sem prévia solicitação ou autorização do consumidor.

1 COMENTÁRIO

  1. Inicialmente havia sim o aviso onde eu sempre postergava a atualização. Porém, num dia em que liguei o meu laptop, acessei minha conta e deixei-o iniciando enquanto eu fui fazer outras coisas, ao voltar, deparei-me com a atualização para a versão 10 em curso, onde nada pude fazer senão aguardar o final da mesma.
    Por hora, não detectei problemas, embora o receio de perda de informações foi grande, uma vez que não estou com meus backups em dia.
    Gostaria de saber quanto a Microsoft vai cobrar depois de 29/007/16 para a atualização para a versão 10 do Windows e por que passará a cobrar.
    Grato.

Deixe seu comentário