Google realinha ofertas de serviços na nuvem

0
0

O Brasil será uma das oito novas regiões que contará com uma nova infraestrutura data center para atender as soluções empresarias na nuvem. A empresa informou ainda que Google for Work foi rebatizado como Google Cloud. Já o Google Apps for Work agora se chama G Suite, solução integrada que torna as empresas mais conectadas através dos aplicativos cujos nomes e continuaram os mesmos, como Gmail e Drive.

A nova marca inclui todas as nossas soluções empresariais – desde  computação em nuvem até aplicativos inteligentes para dispositivos móveis – que oferecemos para todos os tipos de clientes, incluindo pequenas e médias empresas, startups e grandes corporações.

O Google deverá usar infraestrutura de parceiros locais, para diminuir a latência das aplicações, Na América Latina, a empresa tem uma data center no Chile.

Novos recursos

Entre os novos recursos destaca-se o Cloud Machine Learning, com o qual as empresas para gerar maior automação e eficiência, além de insights relevantes para os clientes trabalharem de forma mais ágil.

O BigQuery 2.0, que permite aos clientes focarem na construção de insights a partir de grandes volumes de dados, em vez de desperdiçar recursos e esforços em atividades que não agregam valor aos negócios, como gerenciamento de infraestrutura.

O Google Container Engine é um container que possibilita melhor utilização da infraestrutura, é mais econômico que as máquinas virtuais e faz com que as empresas sejam mais ágeis no desenvolvimento de aplicações. É uma tecnologia nativa para o ambiente multi-cloud, devido à sua alta portabilidade.

As demais localidades que terão infraestrutura similar a do Brasil inclui Virgínia do Norte (EUA), Singapura, Austrália, Alemanha, Reino Unido, Índia e Finlândia.

Deixe seu comentário