Plataforma SIS integra sistema de saúde pública de Santa Cruz do Sul

0
0

A cidade gaúcha de Santa Cruz do Sul, de 120 mil habitantes, está investindo na informatização da rede de saúde pública que administra, formada por 23 postos de saúde e três hospitais.

O projeto contempla a atualização dos equipamentos instalados, a aquisição de novos computadores, a implantação de uma rede lógica e a contratação do software SIS (Sistema de Informatização da Saúde).

Compatível com a plataforma SAP, o SIS foi adquirido junto a JME Informática, empresa de tecnologia da informação (TI) de Porto Alegre, para permitir o acesso a informações precisas sobre as ações de saúde.

Através do prontuário eletrônico, o médico tem acesso à história clínica do paciente e recebe informações sobre o diagnóstico, destaca Carlos Eduardo Behm, Secretário de Saúde de Santa Cruz do Sul.

O SIS-SAP foi implantado para interligar os diversos pontos da saúde pública da cidade, permitindo o melhor controle de custos e processos, além da ampliação do acesso do usuário a recursos da saúde pública.

Dos 23 postos de saúde da cidade, 12 são Unidade Básica de Saúde (UBS) e 11 são Estratégia Saúde da Família (ESF). O maior hospital da cidade, chamado Santa Cruz do Sul, tem 191 leitos, UTI pediátrica e de adulto, além de ala de alta complexidade em traumatologia e cardiovascular.

Já o Hospital Ana Nery, que soma 89 leitos, é especializado em oncologia e oferece tratamentos de quimioterapia e radioterapia. A população que vive no interior do município conta com o Hospital Monte Alverne, que possui 28 leitos.

Deixe seu comentário