Empresa alerta sobre o avanço dos sequestradores browser hijackers

0
100

A Štíty Tecnologia, que distribui as soluções Avast no Brasil, divulgou um alerta sobre o avanço da ação dos sequestradores de navegadores, conhecidos como browser hijacker e que vem aumentando sua discriminação em todo o mundo. Eles foram criados pelos criminosos cibernéticos para assumir o controle das configurações do navegador web e causar sérios problemas no computador, além de abrir portas de entrada para muitas ameaças visando roubar informações pessoais, bancárias e de cartões de crédito.

Os browser hijackers são instalados como extensões (add-on) em navegadores para executar uma infinidade de tarefas e aplicativos. Muitos são verdadeiros e não trazem riscos, inicialmente, a menos que estejam infectados antes da sua instalação. Outros são maliciosos e são instalados sem que o usuário tenha conhecimento e isso acontece depois que é permitida a instalação de algum software geralmente gratuito (freeware) em seu equipamento.

Segundo Marco Rodrigues, especialista em segurança da Štíty Tecnologia, explica que uma das ações dos sequestradores é substituir a página inicial padrão do navegador e quando aberta ela automaticamente redireciona o usuário ao site do criado pelo criminoso cibernético. "A maioria das extensões oferece muitas vantagens ao usuário porque funcionam como complementos, mas o usuário deve ficar sempre atento ao instalar um software baixado da internet em que o fabricante não é muito conhecido. Os criminosos cibernéticos são especialistas em criar armadilhas deste tipo", afirma ele.

O especialista também orienta a evitar todo tipo de software de terceiros pretensamente oferecido como freeware. Ao instalar um software antivírus é aconselhável habilitar a função Bloqueio de Programa Potencialmente Indesejados (PUPs).

Deixe seu comentário