LinkedIn encerra segundo trimestre com prejuízo de US$ 1 milhão e ações caem quase 6%

0
15

O site de contatos profissionais LinkedIn encerrou o segundo trimestre com prejuízo de US$ 1 milhão, ante a um lucro líquido de US$ 3,7 milhões registrado no mesmo período de 2013. A receita, por sua vez, totalizou US$ 534 milhões, alta de 47% contra US$ 364 milhões, na mesma base comparativa.

A receita obtida com a venda de soluções de recrutamento totalizou US$ 322 milhões, o que representa um crescimento de 49% e mais da metade (60%) das vendas totais da companhia. O segmento de soluções de marketing contabilizou US$ 106 milhões, 44% superior ao primeiro trimestre de 2013 e o equivalente a 20% das vendas totais, enquanto a área de assinaturas premium totalizou US$ 105 milhões, com crescimento de 44% e 20% de participação no resultado geral.

Na quebra da receita por região geográfica, os Estados Unidos respondeu pela maior fatia (60%), perfazendo US$ 318 milhões. Já a receita com mercados internacionais somou US$ 216 milhões e representou 40% da receita total no período.

Os resultados não agradaram os investidores. As ações da companhia no after-hours trading, negociação após o fechamento da Nasdaq, registravam queda de 5,69%, às 17h28 (horário de Brasília), cotadas a US$ 197,76.

Deixe seu comentário