TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Dell confirma aquisição da EMC por US$ 67 bilhões

Postado em: 12/10/2015, às 09:00 por Redação

A Dell e a EMC Corporation anunciaram nesta segunda-feira, 12, que assinaram um acordo definitivo por meio do qual a Dell, juntamente com seus proprietários, o fundador e CEO, Michael Dell, e os fundos de investimentos MSD Partners e Silver Lake Partners, irão adquirir a EMC Corporation, mantendo a VMware como uma empresa de capital aberto. A negociação havia sido antecipada por este noticiário.

Conforme os termos do acordo, os acionistas da EMC receberão US$ 24,05 por ação, em dinheiro, além de uma participação na fatia da EMC no negócio da VMware. Com base na estimativa do número de ações em circulação da EMC no encerramento da transação, os acionistas da empresa deverão receber 0,111 fração de cada ação da EMC. Assumindo, para fins ilustrativos, a avaliação de US$ 81,78 para cada ação da VMware, baseada no volume/preço médio ponderado de quarta-feira, 7, os acionistas da EMC receberiam um total combinado de US$ 33,15 por ação EMC, o que faz com que a transação seja avaliada em cerca de US$ 67 bilhões.

Gigante da tecnologia

A fusão da EMC à Dell vai criar a maior empresa de tecnologia integrada de controle fechado do mundo. A transação combina duas das maiores empresas com posições de liderança em servidores, armazenamento, virtualização e PCs, com perspectivas de rápido crescimento com a transformação digital gerada por data center definido por software, nuvem híbrida, infraestrutura convergente, móvel e segurança.

"A combinação da Dell e EMC cria uma potência de soluções empresariais trazendo para os clientes a inovação em todo seu ambiente de tecnologia. Nossa nova empresa será excepcionalmente bem posicionada para o crescimento nas áreas mais estratégicas da próxima geração de TI. Nossos investimentos em pesquisa, desenvolvimento e inovação [P&DI], juntamente com a nossa estrutura de controle privada vai nos dar escala incomparável, força e flexibilidade, aprofundar nossas relações com os clientes de todos os portes. Estou incrivelmente animado com a parceria com as equipes EMC, VMware, Pivotal, VCE, RSA e Virtustream e estou pessoalmente comprometido com o sucesso de nossa nova empresa, os nossos clientes e parceiros", afirmou Michael Dell, em carta aberta aos clientes.

"Eu estou tremendamente orgulhoso de tudo que nós construímos na EMC – a partir de um começo humilde como uma startup sediada em Boston até transformá-la numa empresa de classe mundial, com uma dedicação inabalável para os nossos clientes", disse Joe Tucci, presidente da EMC. "Mas as ondas de mudança que hoje vemos na nossa indústria não tem precedentes e, para navegar esta mudança, é preciso criar uma nova empresa para uma nova era. Eu realmente acredito que a combinação da EMC e Dell irá revelar-se uma combinação vencedora para os nossos clientes, funcionários, parceiros e acionistas."

A VMware continuará a ser uma empresa de capital aberto. Com esta transação é esperado o crescimento da empresa por meio de sinergias com as soluções da Dell e novas oportunidades paras seus canais de venda.

Termos da transação

O negócio deverá ser financiado através de uma combinação de novas ações ordinárias pertencentes a Michael Dell, MSD Partners, Silver Lake e Temasek, bem como um novo financiamento da dívida e captação de recursos. Michael Dell e os acionistas possuirão aproximadamente 70% das ações ordinárias da companhia.

Após a conclusão da transação, Dell vai liderar a companhia como presidente e diretor-executivo. Joe Tucci vai continuar como presidente e CEO da EMC, até o fechamento da compra. A sede da Dell permanecerá em Round Rock, nos Texas, e a sede da empresa de sistemas corporativos combinada será localizada em Hopkinton, em Massachusetts.

Historicamente, a Dell e EMC têm mantido políticas financeiras conservadoras, e têm um histórico de forte geração de caixa e redução da dívida. A transação deverá ter uma avaliação neutra para impacto positivo sobre ratings de crédito corporativo atuais da Dell.

A transação está sujeita às condições habituais, incluindo o recebimento das aprovações regulatórias e de acionistas da EMC necessários, e deverá ser concluída no segundo ou terceiro trimestre do ano fiscal de 2016 da Dell (nos meses de maio a outubro 2016), que termina em 3 de fevereiro de 2017.

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)

Top
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial