TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Gastos com uso de carteira digital vão crescer 40% em 2019

Postado em: 22/07/2019, às 18:50 por Redação

Os gastos do consumidor por meio de carteiras digitais na Europa e na América do Norte aumentarão em 40% este ano, para quase US$ 790 bilhões, segundo um novo estudo da Juniper Research. Argumentou que o maior crescimento em 2019 viria de através de pagamentos móveis sem contato, com mais do que dobrando nessas regiões.

O estudo, "Carteiras Digitais: Análise de Provedor de Serviços, Oportunidades de Mercado e Previsões 2019-2024", descobriu que, embora as carteiras gastas na eRetail continuassem sendo o maior contribuinte para os gastos do consumidor, a migração continuada do caixa causaria um aumento no uso de carteira no PDV. Argumentou que esse era particularmente o caso entre a demografia mais jovem e nos EUA, onde um terço dos iPhones agora são usados ??para pagamentos sem contato.

Bancos

O relatório destacou a importância dos provedores de carteira digital estabelecerem parcerias com os principais bancos para maximizar o alcance entre os consumidores. A análise da Juniper Research descobriu que a Apple superou de longe seus rivais: alcançou a maior parcela endereçável dos consumidores bancários em 7 dos 10 mercados nacionais avaliados.

No espaço online, o estudo constatou que as carteiras, incluindo o Apple Pay, o Amazon Pay e o Visa Checkout, também expandiram significativamente sua disponibilidade em sites de comerciantes, embora todas ficassem bem atrás do PayPal nesse aspecto.

Enquanto isso, os pagamentos sociais por meio de carteiras crescerão fortemente este ano e além; uma tendência deve ser acelerada em 2020 pelo surgimento da carteira do Facebook no Calibra e sua criptomoeda Libra.

Wearable-Pay

No entanto, o estudo foi menos otimista sobre as perspectivas para carteiras Wearable-Pay; argumentando que suas limitadas bases endereçáveis ??e restrições funcionais significavam que lutariam contra carteiras convergentes – fornecendo um extenso portfólio de ofertas de pagamento on-line e off-line.

De acordo com o analista da Juniper Research, Nick Maynard, "as soluções Wearable-Pay ainda são completamente dependentes do smartphone e, em última análise, limitam-se a um único caso de uso. Assim, é provável que permaneçam, na melhor das hipóteses, uma oferta de nicho".

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Tags: , , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)

Top
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial