TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

EMC fornecerá tecnologia de armazenamento e proteção de dados para os Jogos Olímpicos

Postado em: 28/08/2014, às 17:48 por Erivelto Tadeu

A EMC, fornecedora de soluções de armazenamento e gerenciamento da informação, assinou contrato com o Comitê Organizador da Rio 2016 para fornecer as soluções de armazenamento para os Jogos Olímpicos. Sem revelar o valor do acordo, já que as soluções serão fornecidas em troca de patrocínio do evento, o presidente da EMC Brasil, Carlos Cunha, destacou que toda a infraestrutura de storage da Rio 2016 será baseada em plataforma EMC.

O executivo explicou que a empresa atendeu a todos os requisitos de confiabilidade, disponibilidade, escalabilidade e segurança exigidos para esse tipo de evento, que não permite falhas e conta com parceiros de tecnologia do mercado.

As soluções da EMC suportarão as duas principais torres de tecnologia de informação da Rio 2016 — a rede administrativa e a rede dos jogos — que centralizam os dados obtidos nas 35 instalações de competições, nas quais, mais de 10.500 atletas estarão competindo. Além de responder por toda a implantação dos sistemas de armazenamento e backup, a equipe da EMC Brasil será responsável também por todo o suporte técnico e proteção dos dados, como os resultados das competições, fotos e vídeos dos eventos, informações dos atletas e de suas nações, registros das instalações, entre outros.

Para o evento, será destinado espaço de armazenamento para mais de 55 terabytes de dados, o equivalente a 720 mil fotos ou 4 mil minutos de filmagem. Entretanto, o diretor-executivo comercial do Comitê Organizador, Renato Ciuchini, diz que esse número poderá chegar a 117 terabytes disponíveis para uso, já que é feita uma estimativa para a capacidade máxima de armazenamento de dados.

De acordo com Ciuchini, o orçamento total do evento é de R$ 7 bilhões, sendo que 20% deste montante serão destinados para tecnologia — ou seja, R$ 1,4 bilhão —, o que representa o segundo maior destino da verba, perdendo apenas para o que ele chama de serviços dos jogos, como a Vila dos Atletas e o Parque Olímpico, que responderão por 21% do orçamento.

As plataformas de proteção de dados para a Rio 2016 serão baseadas nas famílias EMC Avamar (backup/restore) e EMC RecoverPoint (replicação de dados). O Avamar utiliza tecnologia patenteada pela EMC para economia de espaço, desduplicação em tempo real, enquanto o EMC RecoverPoint provê uma arquitetura aliada a replicação de longa distância à proteção contínua de dados baseada em dispositivos de propósito específico (appliances).

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Tags: , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)

Top
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial