TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Decisão dos EUA de deixar controle da web pode afetar VeriSign

Postado em: 17/03/2014, às 18:17 por Redação

A VeriSign, fornecedora de serviços de registro para nomes de domínios ".com" e ".net" e que tem registrado queda em suas ações desde novembro de 2012, aumentou a preocupação com o desempenho na bolsa depois de o Departamento de Comércio dos EUA ter anunciado que abrirá mão do controle da Icann (sigla em inglês para Corporação da Internet para Atribuição de Nomes e Números), autoridade responsável pela coordenação global do sistema de endereços e nomes de domínio da internet.

A apreensão não é para menos. As ações da empresa, que abriram o pregão nesta segunda-feira, 17, em queda de 6,74%, negociadas a US$ 51,15 na Nasdaq, chegaram a registrar baixa de 11%, cotadas a US$ 48,55. No decorrer do dia os papéis se recuperaram um pouco e atingiram US$ 51,68, recuo de 5,77%. No chamado after-hours trading, porém — negociação após o fechamento do pregão da bolsa eletrônica ­—, a cotação atingiu US$ 50,61, queda de 7,67%.

O governo dos EUA anunciou na última sexta-feira, 14, que vai cumprir a promessa que fez de abrir mão do controle do sistema de nomes de domínio da internet. Gregg Moskowitz, analista da Cowen & Co., disse que a mudança no controle e fiscalização aumenta o risco de a VeriSign não conseguir renovar seu contrato, da forma atual, para manter os registros .com e .net. "Com as incertezas sobre como ficará a supervisão desse sistema o resultado pode ser menos favorável para a empresa, inclusive em relação ao prazo de renovação", disse Moskowitz à Bloomberg. Em sua avaliação ele classifica os papéis da empresa como "esperar para comprar", ao dizer que é improvável, contudo, que a VeriSign vá perder o contrato para administrar o domínio ".com", quando da renovação em 2018.

Em um comunicado divulgado nesta segunda-feira, a VeriSign disse que o anúncio de não afeta a operação da empresa na administração dos nomes de domínios, e que os acordos que mantém lhes dão a preferência de renovação. "A decisão não afeta a VeriSign, pois o anúncio do Departamento de Comércio envolve funções de internet que são totalmente diferentes daquelas que a VeriSign realiza em decorrência de seus acordos administração dos nomes de domínios .com e .net."

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Tags: , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)

Top
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial