TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

GFT Brasil e BNZ fazem parceria para ofertar solução voltada à LGPD

Postado em: 01/10/2019, às 18:49 por Redação

A GFT e o BNZ Advogados com o braço de atuação BNZ Innovation, apresentam a solução Data Privacy Framework para oferecer análise e implementação dos requisitos da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), prevista para entrar em vigor no Brasil em agosto de 2020.

Com a parceria, as duas companhias têm como objetivo ofertar um serviço que vai desde a identificação da jornada de implementação, passando pela aderência à LGPD por meio da descoberta e mapeamento de dados pessoais, análise de impacto e tratamento dos dados, e chegando à operação e monitoramento das informações. A solução baseia-se na expertise jurídica da BNZ Innovation aliada ao conhecimento técnico da GFT e tem o objetivo de ajudar as empresas a ficarem aderentes à LGPD. De acordo com Marcos Santos, Managing Director LATAM da GFT, a solução serve como parâmetro no mercado de TI para o segmento financeiro. A solução da GFT e BNZ utiliza tecnologia da IBM para governança de informações.

"Hoje, temos um grande banco de dados e informações circulando pelo mundo e, como líderes, precisamos ter uma responsabilidade imensa na gestão e garantia da privacidade desses conteúdos. Esse nosso serviço vem para ajudar as empresas na adequação à nova lei LGPD, oferecendo uma ferramenta que entende a realidade de cada player e aplica os melhores instrumentos para cada realidade, trazendo a experiência da GFT em projetos similares sobre a GDPR (lei de privacidade de dados europeia), considerando também as particularidades da lei brasileira e aportando com a expertise dos nossos arquitetos com conhecimento do mercado local", afirma o executivo.

Para a GFT, um dos grandes benefícios para os clientes da solução baseia-se na certificação de que os serviços e a consultoria fornecidos, desenvolvidos em plataforma segura e escalável, e que está apoiada na vasta experiência tecnologia dos parceiros voltada a instituições financeiras e de pagamentos.

Segundo Arthur Braga Nascimento, advogado e CEO do BNZ Innovation, existem alguns desafios que a maioria das empresas podem enfrentar para a implementação da nova lei no país. "Aplicar a LGPD dentro de uma empresa pode causar um grande impacto, principalmente para startups que acreditam que já estão dentro dos conformes da nova lei e esquecem de realizar treinamentos internos, não só em pessoas chaves da instituição, mas em toda base de colaboradores. Profissionais e ferramentas adequadas, também serão o suporte para a organização de um cronograma para mapear dados necessários. A preocupação ao aplicar a lei, vai muito além dos processos jurídicos, é preciso um bom parceiro tecnológico  para aplicá-la", explica.

"Se por um lado a LGPD traz desafios, também oferece uma grande oportunidade para elevar o grau de maturidade das empresas em relação à forma como lidam com seus dados, ao adotar uma abordagem centrada na governança da informação, sustentada por uma base legal e protegida por uma camada de segurança", comenta Fabricio Lira, executivo de Data & AI da IBM Brasil.

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Tags: , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)

Top
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial