TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Hospital Heliópolis inaugura centro de radioterapia e medicina nuclear pelo SUS

Postado em: 13/06/2014, às 12:22 por Redação

O governador Geraldo Alckmin entrega nesta sexta-feira, 13, um centro de radioterapia e radiologia em Heliópolis, zona Sul da capital paulista, unidade passa integrar a Rede Hebe Camargo de Combate ao Câncer, do governo paulista. Com investimento de R$ 17,8 milhões, o centro, que fica dentro do mega-ambulatório de oncologia do Hospital Heliópolis, vai realizar atendimentos de combate ao câncer de cabeça e pescoço, neurologia, gastroenterologia, coloproctologia e ginecologia.

Foram instalados dois aceleradores lineares, que juntos serão responsáveis por realizar aproximadamente 45 mil sessões de radioterapia por ano. A unidade também terá um serviço de apoio diagnóstico e terapêutico, composto por um PET-CT (tomografia computadorizada por emissão de pósitrons), a mais moderna tecnologia para rastreamento de tumores.

Além disso, o novo serviço vai contar com outros dois tomógrafos, dois aparelhos de raios-X convencional, uma ressonância magnética, um aparelho de raio-X telecomandado, um mamógrafo e um aparelho radiodiagnóstico odontológico. Assim que estiver operando em plena capacidade a unidade vai ofertar duas mil tomografias, 800 ressonâncias magnéticas e 150 tomografias com material radioativo mensalmente.

"O novo centro de radioterapia e radiologia consolida a capacidade assistencial do Hospital Heliópolis, colocando-o como um dos principais serviços do SUS da capital paulista na área de oncologia e garantindo assistência regionalizada aos pacientes", afirma o secretário de Estado da Saúde, David Uip.

O mega-ambulatório de oncologia do Hospital Heliópolis faz parte da Rede Hebe Camargo de Combate ao Câncer, programa que unifica e padroniza protocolos de atendimento e mantém uma única regulação, por meio de uma Central de Regulação Oncológica, facilitando, assim, o acesso do paciente ao tratamento.

 

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Tags: , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)

Top
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial