TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Marketing do setor financeiro nos EUA aposta alto em resposta direta e publicidade móvel

Postado em: 03/07/2013, às 16:47 por Redação

Os gastos com publicidade digital da indústria de serviços financeiros nos Estados Unidos  (incluindo seguradoras, bancos, administradoras de cartões de crédito, empresas de investimento e outros) atingirão US$ 5,2 bilhões em 2013 e saltarão para US$ 7,38 bilhões em 2017, conforme projeções da consultoria novaiorquina eMarketer.

No estudo "The US Financial Services Industry 2013: Digital Ad Spending Forecast and Key Trends", a consultoria prevê que a participação dessa indústria nos gastos digitais totais do país permanecerá relativamente estável ao longo do período de previsão (2012 a 2017), com uma taxa composta de crescimento anual de 9,9%.

A eMarketer estima que os anunciantes da indústria de serviços financeiros irão investir 62% de sua verba para mídia digital em ações de resposta direta (e-mails, geração de leads, classificados e diretórios e mensagens curtas móveis). O restante irá para branding (banner, mídia rica, patrocínio e vídeo.)

Os pesquisadores observam que o setor de serviços financeiros é atualmente o segundo maior gastador em publicidade digital nos EUA, mas prevêem queda para a terceira posição até 2015. O setor automotivo, segundo eles, assumirá a segunda posição no ranking.

Por outro lado, quando se trata de sofisticação da publicidade móvel, a indústria de serviços financeiros encontra-se à frente de todos os demais setores nos EUA, e avançando com rapidez, segundo os consultores da eMarketer.

Por trás desse desempenho, os analistas destacam a rápida adoção, por parte da população norte-americana, de dispositivos móveis como smartphones e tablets para acessar contas bancárias e realizar transações financeiras. Como consequência, os orçamentos de marketing móvel engordaram e a publicidade se sofisticou.

De acordo com a Mobile Marketing Association (MMA), este ano os anunciantes do setor de serviços financeiros, seguros e real state, em conjunto, irão gastar US$ 2,08 bilhões em publicidade móvel, contra  US$ 1,33 bilhão em 2012. O montante deverá saltar para US$ 4,0 bilhões em 2005, conforme projeções da associação  (veja quadro abaixo, em inglês.

A MMA estima que os gastos totais com marketing móvel nos EUA (considerando todos os segmentos econômicos) crescerão perto de 200% entre 2012 e 2015, passando de US$ 6,7 bilhões em 2012 para US$ 10,5 bilhões em 2013, US$ 15,2 bilhões em 2014 e US$ 19,8 bilhões em 2015.

 Image courtesy of scottchan at FreeDigitalPhotos.net

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Tags: , , , , , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)

Top
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial