TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Complementação: um novo uso para a inteligência artificial

Postado em: 23/03/2018, às 22:23 por Sergio Cusmai,

 

A independência alcançada por algumas soluções de inteligência artificial é, de modo geral, valorizada. Porém, há quem considere que o grau de automação conquistado é uma ameaça para o futuro (e até para o presente) dos trabalhadores. O impasse é demonstrado no relatório da PwC "Workforce of the future: the competing forces shaping 2030", que leva em conta os mercados do Reino Unido, Alemanha China, Índia e Estados Unidos. Recentemente, Antoine Blondeau afirmou que, em 2050, cada ser humano será o centro de um mundo assistido pela Inteligência Artificial (IA) nos mínimos detalhes. Blondeau é ninguém menos que um dos desenvolvedores da tecnologia  Siri da Apple, assistente pessoal que se soma a outros comoAlexa da Amazon e Google Home, soluções que atuam como verdadeiros mordomos digitais.

Diante desse temor generalizado dos homens serem substituídos por máquinas, tanto nas atividades diárias quanto no local de trabalho, algumas empresas decidiram apostar em tecnologias capazes de vencer essa barreira que parece afastar as pessoas de soluções atuais de Inteligência Artificial.Pensando nisso, nós da Cognitive, companhia de desenvolvimento de Inteligência Artificial do grupo Apex America, criamos uma tecnologia em IA que, em conjunto com a expertise da Apex America em atenção personalizada, gerou o IagoCX. Esse serviço é inovador porque conseguiu acabar com a ameaça da automatização, já que não substitui o homem, mas, o complementa. E, embora o serviço tenha um alto percentual de assertividade nas respostas por si só – 70% desde o primeiro dia -, não trabalha sozinho. Foi projetado para aprender tanto de modo supervisado como não supervisado e, uma de suas funções é auxiliar os técnicos que fazem o atendimento ao consumidor. Além disso, o IagoCX é capaz de fazer um contato caloroso e empático com os usuários, algo, até então, inédito, além de ser uma ferramenta que complementa, apoia e potencializa as ações humanas ao invés de substituí-las.

A nossa aposta é de um futuro exatamente onde a relação entre o homem e a Inteligência Artificial  será de complementação e o IagoCX já é um grande avanço nesse aspecto. Enquanto a maior parte das soluções criadas até hoje dependem de grandes quantidades de informações catalogadas de maneira análoga e manual, o Iago tem 70% de assertividade desde o primeiro minuto sem a necessidade de treinamento com grande quantidade de dados, uma vez que trabalha com uma combinação algorítmica própria. Esse avanço garante uma retroalimentação em cada interação para melhorar seu nível de precisão nas respostas. O futuro da Inteligência Artificial já chegou!

Sergio Cusmai, CEO da Cognitive.

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Tags: , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)

Top
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial