Publicidade
Início Newsletter (TI Inside) Brasileiros estão entre os que mais usam sites para fazer compras no...

Brasileiros estão entre os que mais usam sites para fazer compras no mundo, aponta estudo

0
Publicidade

Mais da metade dos consumidores brasileiros utilizam sites para fazer compras e pesquisam online antes de adquirir produtos em lojas físicas. É o que aponta a pesquisa global da hábitos de consumo da Wirecard, uma das plataformas de pagamento que mais crescem no mundo. A Wirecard Global Consumer Survey 2019, realizada em parceria com a Vanson Bourne, entrevistou 4.500 pessoas nos Estados Unidos, Brasil, Reino Unido, Alemanha, França, Singapura, Hong Kong e Austrália, entre outubro e novembro deste ano.

O Brasil se destaca nas transações online, especialmente no desktop, onde 51% dos entrevistados disseram ter comprado nos últimos 12 meses. A efeito de comparação, nos Estados Unidos esse índice é de apenas 28%, contra 31% da Austrália.

Outro hábito interessante de consumo identificado no Brasil é o de pesquisar produtos online antes de comprar nas lojas físicas. De acordo com a pesquisa, 68% dos brasileiros realizam esse procedimento em praticamente todas as aquisições que fazem. Na Alemanha, apenas 21% dos entrevistados adotam a prática.

A pesquisa também mostra como o tipo de produto influencia no canal utilizado para a transação. Enquanto itens de supermercado tiveram 77% das vendas realizadas em lojas físicas, 57% de serviços e produtos de lazer e turismo foram negociados pela Internet. O método “click and collect”, no qual o cliente compra online e retira em loja, teve maior predominância nos eletrônicos (16%).

A Wirecard analisou ainda a maneira como as compras online são realizadas. A situação mais comum na qual as pessoas compram é enquanto relaxam (74%). Quase metade (48%) dos entrevistados compra enquanto assiste à TV, e 37% na cama. Um em cada quatro consumidores adquirem produtos no horário de trabalho.

Jovens utilizam mais o banheiro para comprar

Os millenials são conhecidos pela capacidade de realizar várias tarefas ao mesmo tempo e por quase nunca estarem desconectados. Por isso, eles são também os que fazem compras nos momentos mais inusitados.
Comprar online enquanto usa o banheiro é algo natural para 26% dos entrevistados entre 18 e 29 anos, enquanto apenas 9% das pessoas entre 45 e 60 anos disseram adotar a prática. Os mais jovens também são aqueles que mais compram quando já estão na cama prestes a dormir (61%). Entre as pessoas com 60 anos ou mais, esse índice é de apenas 13%.

Homens são mais “desconfiados”

A pesquisa também traz recortes de hábitos de consumo por gênero e constata que os homens são menos propensos a dividir seus dados pessoais em troca de promoções. Cerca de 20% dos entrevistados disseram que não compartilhariam suas informações por descontos de jeito nenhum, tanto em lojas físicas quanto em e-commerce. Entre as mulheres, apenas 13% não entregariam seus dados em lojas físicas, e 15% não o fariam na Internet.

SEM COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário

Sair da versão mobile