Publicidade
Início Newsletter (TI Inside) EMC pode ampliar em quase 60% investimento anual em pesquisa e desenvolvimento

EMC pode ampliar em quase 60% investimento anual em pesquisa e desenvolvimento

0
Publicidade

Pouco mais de um mês após ser adquirida pela Dell, a fabricante de software e equipamentos para armazenamento de dados EMC anunciou nesta terça-feira, 24, que planeja ampliar seu investimento anual em pesquisa e desenvolvimento (P&D), apaziguando a preocupação do mercado sobre uma possível redução na aplicação de capital para tal fim, já que se tornará uma empresa privada com a conclusão do negócio, entre maio e outubro de 2016.

Em um encontro realizado com a imprensa em São Paulo, o presidente da EMC Brasil, Carlos Cunha, afirmou que a companhia pretende expandir em 58% o investimento em novas tecnologias, que hoje compreende US$ 2,5 bilhões ao ano, o equivalente a 12% da sua receita anual, para US$ 6 bilhões.

Segundo o executivo, a integração das soluções de ambas as empresas também não deve ser motivo de apreensão. “Quase 85% do portfólio da EMC e Dell, principalmente no que se refere a big data e segurança, estão em total sinergia”, reforçou. “No segmento de segurança, por exemplo, a oferta da EMC foca na informação, enquanto a da Dell complementa com a parte periférica”, exemplificou.

As vendas de soluções de big data, segurança e a oferta de serviços da EMC, inclusive, não foram afetadas pela crise econômica brasileira de 2015, ainda de acordo com Cunha, ao comentar o desempenho da companhia no país neste ano. “O ano foi bem complicado, um período em que a EMC ajudou mais os clientes com soluções financeiras”, declarou. Para 2016, as projeções seguem pouco otimistas, sem expectativa de crescimento no Brasil.

SEM COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário

Sair da versão mobile