TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Mercado mundial de servidores de alto desempenho cai 7,2% em 2013

Postado em: 25/03/2014, às 18:26 por Erivelto Tadeu

As vendas mundiais de servidores de alto desempenho — conhecidos também pela sigla em inglês HPC, de high performance computing — registraram queda de 7,2% no ano passado, totalizando US$ 10,3 bilhões, ante US$ 11,1 bilhões contabilizados em 2012, segundo dados da IDC. Para o período de 2013 a 2017, a estimativa, no entanto, é que o mercado cresça a uma taxa anual composta (CAGR, na sigla em inglês) de 7,3%, com faturamento de US$ 14 bilhões ao fim desse período. A consultoria já havia previsto o declínio da demanda, quando as vendas de máquinas de grande porte impulsionaram o mercado de supercomputadores high-end.

A queda foi mais acentuada no segmento de servidores supercomputadores high-end, equipamentos com preço médio de US$ 500 mil ou superior, que recuou 29,4% na comparação anual, para US$ 4 bilhões, respondendo por 38,8% da receita total da indústria de servidores HPC em 2013. Segundo a consultoria, fatia significativa da receita veio de grandes sistemas vendidos pela IBM, HP e Cray. A IDC avalia que essa categoria de máquinas retomara o crescimento nos próximos anos.

A retração só não foi maior graças ao segmento de servidores com preço inferior a US$ 500 mil, que experimentaram um crescimento robusto pelo segundo ano consecutivo, numa clara recuperação da queda causada pela recessão econômica global. A maior contribuição para essa retomada veio dos servidores para workgroup, equipamentos com preço médio inferior a US$ 100 mil, cuja receita cresceu 23,9% em 2013, comparada ao ano anterior, totalizando US$ 1,6 bilhão, respondendo por 15,4% da receita total do mercado HPC.

Com desempenho mais modesto, os equipamentos do chamado segmento divisional (equipamentos com preços entre US$ 250 mil e US$ 499 mil) cresceram 11,4 % ano sobre ano, atingindo US$ 1,4 bilhão, ou 13,2 % da receita total de servidores HPC em 2013. Já o segmento de servidores departamentais (com faixa de preço de US$ 100 mil a US$ 250 mil) que tiveram expansão de 12,9%, para US$ 3,4 bilhões, ou 32,7% da receita total da indústria do setor.

De acordo com a IDC, embora a receita tenha recuado, as remessas de servidores HPC aumentaram em 2013 (19%). Isso, segundo a consultoria, se deve principalmente à recuperação do mercado de servidores com preços inferiores a US$ 500 mil. "O aumento da demanda por servidores HPC se deu em razão não só do seu emprego em avanços científicos, como também para inovação industrial e competitividade da economia. Por esta razão, países e regiões em todo o mundo, bem como empresas e universidades, estão aumentando seus investimentos em computação de alto desempenho", avalia Earl Joseph, vice-presidente técnico de programas de computação da IDC.

A HP liderou o mercado de servidores de alto desempenho em 2013, com uma participação de 32,3% na receita total do setor, seguida pela IBM, com 27,7%. A Cray teve um ano excepcionalmente forte, aumentando a receita em 23,4 % em relação a 2012. Para a IDC, o início forte das vendas no segundo semestre levou a um crescimenbto de 73,8 % da receita sobre 2012.

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Tags: , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)

Top
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial