Alexandre Murakami é o novo diretor de segurança da Logicalis

0
0

A Logicalis criou uma unidade de negócios focada em segurança da informação. Com uma vasta experiência no desenvolvimento e implementação de projetos de segurança, Alexandre Murakami retorna à empresa para liderar a área em toda a América Latina, com um time de aproximadamente 100 profissionais somente no Brasil.

Para o executivo, esta é uma oportunidade de dar continuidade a um trabalho que iniciou em 2006 com o desenvolvimento do portfólio de segurança da informação.

Segundo a Logicalis, a nova área é uma resposta às mudanças recentes do mercado, que enfrenta novas e diferentes ameaças e a necessidade de atender a legislações locais e internacionais (como GDPR e LGPD).

A proposta da nova unidade de negócios é oferecer um portfólio completo que vai desde a consultoria, tecnológica e de compliance; implementação de soluções, até a operação, incluindo oferta de SOC (security operation center) e gestão de respostas a incidentes.

A empresa passa a oferecer um serviço de gerenciamento integrado de segurança e riscos, utilizando o profundo conhecimento de especialistas para diagnosticar e mitigar riscos, além de definir e implementar as melhores tecnologias para identificar de forma proativa as ameaças e fornecer soluções eficazes para eliminar possíveis problemas. Todas as ofertas serão desenhadas de acordo com a demanda do cliente, se integrando perfeitamente a projetos de cloud, IoT e data intelligence.

Formado em Ciência da Computação com ênfase em Tecnologia da Informação pela Universidade Estadual Paulista Júlio Mesquita (Unesp), Murakami possui pós-graduação em Administração com ênfase em tecnologia pelo Centro Universitário FEI, em Educação pela Uninove e em Gestão global de programas pela IESE Business School.

Esta é a segunda passagem do executivo pela empresa, que de 2006 a 2016 atuou como líder da oferta de segurança da informação. Além disso, foi gerente-sênior de segurança TI da VIVO, além de ter atuado durante 21 anos como professor de graduação e pós-graduação, em universidades como Uninove, Instituto Brasileiro de Tecnologia Avançada (IBTA) e Faculdade Metropolitanas Unidas (FMU).

Deixe seu comentário