Integradora brasileira desenvolve tecnologia de identificação biométrica para bancos digitais

1
0

A Montreal, integradora brasileira de tecnologia, desenvolveu soluções de biometria para o setor bancário. O novo sistema de identificação e autenticação biométrica multicamadas para movimentações financeiras em smartphones e tablets foi implementado no Banco Neon, instituição financeira 100% digital do país.

A tecnologia permite a abertura de contas e demais movimentações financeiras por intermédio de dispositivos móveis com segurança e confiabilidade. O duplo sistema de identificação e autenticação, por meio de impressão digital e reconhecimento de face, aumenta ainda mais a proteção aos dados do usuário e ao sigilo das operações.

Com mais de 25 milhões de registros de biometria na América Latina, a Montreal desenvolve, em parceria com a norte-americana Daon, soluções de identificação multicamadas baseadas na plataforma IdentityX. A tecnologia combina a biometria com a vinculação de dispositivos, inclusive a geolocalização e outras variáveis. Trata-se, por exemplo, do sistema utilizado na captura de informações digitais para o desenvolvimento do VISA, o visto concedido pelo governo dos Estados Unidos.

Todas as informações cadastradas pelos usuários do banco digital ficam armazenadas na nuvem, em data centers da própria Montreal. Além do armazenamento e a implantação do sistema de cadastramento e identificação biométrica, a empresa atua ainda no suporte técnico, consultoria tecnológica, manutenção e pelos serviços de back-end da plataforma da instituição financeira.

BPO

No segundo semestre, a companhia lançará uma nova plataforma de BPO (Business Process Outsourcing), voltada, notadamente, ao segmento de financiamento imobiliário. Em parceria com a CPS, a Montreal desenvolveu e opera o CrediTools, ferramenta para o gerenciamento de carteiras de crédito habitacional implantada em grandes instituições financeiras, como Itaú e Santander.

Está desenvolvendo também soluções de Blockchain. Pesquisa recente da Febraban indica que 65% dos bancos brasileiros estudam a sua implementação. A empresa trabalha também em tecnologias relacionadas à internet das coisas (IoT). "Nosso foco é, sobretudo, o monitoramento de clientes, responsável por mais de 30% dos investimentos das instituições financeiras no âmbito da IoT", ressalta o CEO da Montreal.

1 COMENTÁRIO

  1. sou pesquisador, desenvolvi aparelho, que parece com o sistema usado no banco digital, evita fraudes na hora de saques no caixa, transações presenciais, tipo doc, ted, ordem de pagamento, liberação de empréstimo de assegurado do inss entre outros. me chamo marcelo meu tel. (22) 98178-4622, esta em fase de patente.

Deixe seu comentário