Mercado Livre registra queda no lucro no segundo trimestre, mas receita tem maior alta de sua história

2
0

O site de comércio eletrônico Mercado Livre encerrou o segundo trimestre deste ano com queda de 18,5% no lucro líquido, para US$ 15,8 milhões, ante US$ 19,4 milhões registrados em igual período de 2105. Em contrapartida, a receita líquida contabilizou aumento de 73%, totalizando US$ 199,6 milhões, contra US$ 154,3 milhões um ano antes, o que marca o melhor resultado da empresa desde sua fundação em 1999. No Brasil, o crescimento da receita foi de 41% em dólares e de 61% em reais, acima da média de 50% dos quatro trimestres anteriores.

Segundo o informe de resultados, o Mercado Livre vendeu 43,7 milhões de produtos — um crescimento de 45% em relação ao mesmo período do ano passado. Do total, as vendas realizadas no Brasil representaram a maior parte das transações, com 57% das vendas, e a Argentina, que respondeu por 46%.

O valor total transacionado na plataforma GMV (Gross Merchandise Volume) foi de US$ 2 milhões, o que representa um crescimento de 68% em moeda constante e de 21% em dólar. Já o Mercado Pago respondeu por 31,9 milhões de transações, crescimento de 76% ano sobre ano. O volume total de pagamentos foi de US$ 1,81 milhões, um aumento de 101% em moeda constante e de 51% em dólares.

As receitas com publicidade cresceram 124% em moeda constante, provenientes principalmente da consolidação do formato publicitário Product Ads — 50% da receita total dessa unidade de negócio está atribuída a Product Ads em dispositivos móveis.

No trimestre, foram enviados 20,3 milhões de itens por meio do Mercado Envios, unidade de negócios que oferece serviços de logística aos vendedores da plataforma, o que representa um crescimento de 104% comparando com o mesmo período do ano passado. Neste segundo trimestre, Mercado Envios foi responsável pelo envio de 70% dos itens vendidos no Brasil, 32% no México e cerca de 25% na Colômbia, onde o serviço passou a ser oferecido há apenas um ano.

A receita proveniente dos serviços de pagamento de Mercado Pago em lojas online fora da plataforma Mercado Livre cresceu 102% no período em moeda constante, mais um crescimento de três dígitos em cinco trimestres consecutivos.

2 COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário