Brasil tem mais de 190 startups para a área de marketing, diz pesquisa

0
39

No Brasil, existem atualmente 194 startups com soluções para a área de Marketing, sendo que 14% delas estão na categoria de atendimento, conectores e produtividade, seguido por conteúdos interativos, que representam 11%, também com 11% estão social e comunicação. Em seguida aparecem: analytics, data e performance; ferramentas de comunicação e fidelidade do cliente, ambas com 9%. As categorias com menor número de startups são: gestão e geração de conteúdo e CRM e customer success, com 6%. Por último ficam: vendas e geração de leads (5%).

Os números são do estudo Liga Insights MarTechs, que analisou um banco de dados com mais de 11 mil startups no país. O levantamento ainda contou com entrevistas de especialistas de grandes empresas, como Uber, Centauro, Mercado Pago, Magazine Luiza, Pipedrive e XP Investimentos.

Conhecidas como MarTechs, estas startups auxiliam na criação e execução de estratégias e conteúdos nas áreas de marketing, além de ajudarem também no gerenciamento de grandes times, focando em produtividade e performance das equipes.

Marketing 4.0 é tendência

De acordo com o Liga Insights MarTechs, o principal conceito do Marketing 4.0 é pensar na jornada e experiência de compra do consumidor, para isso os profissionais de marketing estão usando o chamado Marketing Ominichannel – que conecta e integra canais. Segundo Raphael Augusto, as empresas precisam estar preparadas para atender os consumidores de forma integrada entre os canais online e offline. "Um exemplo simples é o varejista permitir que o cliente compre na loja virtual e retire na física", comenta.

Uma pesquisa realizada pela NapcoResearch, mostra que 74% das empresas entrevistadas afirmaram considerar importante que seus clientes tivessem uma experiência coesa e integrada com a marca. Ainda segundo o levantamento, as áreas que dão mais importância a essa nova tendência são as indústrias Farmacêuticas e Saúde (82%), Viagem e Hospitalidade (82%), Tecnologia da Informação (81%) e Serviços Financeiros e Seguros (80%).

Uma startup brasileira que está inovando no marketing ominichannel é a FlowSense, focada em inteligência e engajamento geolocalizado para apps. Por meio de suas aplicações e soluções, as empresas podem explorar os dados de localização gerados por usuários de aplicativos e transformá-lo em estratégias eficientes para comunicação, vendas, marketing e expansão do negócio.

Conhecendo o consumidor

De acordo com previsões da Gartner, até 2020 clientes com más experiências poderão destruir até 30% dos projetos digitais das empresas. Para a Consultoria, é muito importante que as marcas estejam focadas no consumidor.

A Refinaria de Dados ajuda marcas a fazerem isso de maneira mais assertiva. A startups coleta, processa e analisa "pegadas" digitais com o objetivo de conectar a empresa com seu consumidor. Por meio de inteligência artificial a tecnologia transforma os "rastros" digitais em informações relevantes para o consumidor e para a marca. A Refinaria de Dados possui aplicações para gestão de risco, marketing, people analytics e análise de audiência.

Das 194 startups mapeadas pelo levantamento, 42% estão na cidade de São Paulo, seguido por Florianópolis com 8% e Belo Horizonte, com 7%. Seguindo a lista estão: Porto Alegre, Curitiba e Rio de Janeiro. Já as cidades de Campinas, São José dos Campos, Recife, Londrina e Goiânia ficam com 2% cada.

Deixe seu comentário