Covid-19: executivo diz que o momento é para priorizar a saúde e segurança das pessoas

0
0

Content Post – Nesse momento de pandemia, as organizações devem valorizar a saúde e segurança das pessoas. Muitas delas já tem isso como propósito de valor, elas entendem que as pessoas devem vir em primeiro lugar. Essa é a opinião de José Duarte, general manager da VMware, que participou nesta quarta-feira,15, do webinar "Executive Series" promovido pela SoftwareONE para discutir e apresentar opinião de líderes do setor de tecnologia sobre esse período chamado de "o novo normal".

Segundo ele, se existe uma lição para se tirar dessa situação, é que pessoas devem vir em primeiro lugar, que as empresas devem se preocupar e cuidar das comunidades em que estão inseridas, se engajando com a sociedade, estabelecendo e construindo uma relação mais aberta e transparente com os funcionários.

"As organizações devem aproveitar o momento para compreender que não há barreira em fazer bom uso da tecnologia, superar desafios, rever fragilidades, tirar planos da gaveta, e usar a mesma com segurança, preservando a saúde dos colaboradores", enfatizou Duarte, acrescentando que "o momento é de manter a economia, os empregos, usar tecnologia para dar um grande salto. Ela é necessária, não existe um segmento que não consuma tecnologia, é vital para dar continuidade aos negócios e se enxergar um futuro".

Em relação a posição de muitas empresas que não consideram o trabalho flexível como opção, por desconfiarem do comprometimento dos funcionários no trabalho home office, Duarte acredita que daqui para diante essa será uma questão superada. "Pesquisas mostram que o cenário é muito positivo, pessoas preferem trabalhar em empresas com mais foco nos funcionários, que sejam flexíveis. As que já adotaram esse modo de trabalhar, constataram mais produtividade dos colaboradores. Agir dessa forma, possibilita atração e retenção de talentos, novas gerações não trabalham dentro dos escritórios", acrescenta.

Digital Workspace

O executivo explicou que a VMware não sentiu tanto o impacto de trabalho remoto, pois já utiliza as opções digitais de trabalho, usando inclusive suas próprias soluções.

Como a situação gerou muita ansiedade dos colaboradores, a empresa deu 10 dias livres para mesmos ficarem 100% dedicados à família ou outra atividade, sem que esse período fosse descontado da folha de pagamento.

Duarte explicou que a VMware tem um programa que estimula a colaboração dos funcionários em ações sociais, onde a empresa ajuda inclusive com contrapartida em doações financeiras. Eles são também liberados 7 dias por ano para se dedicarem a ações sociais. "A VMware tem um lema. É formada por bons engenheiros e engenheiros do bem", diz Duarte.

Segundo ele, a parte técnica e manutenção de suporte da empresa está ativa, pois já era preparada para o atendimento remoto. O que está realizando agora são atividades on line para compartilhar melhores práticas, tirar dúvidas com especialista sobre temas como continuidade de negócios, como colocar no ar uma força remota de trabalho para superar esse desafio, etc.

"Novo normal"

Para Duarte, as empresas devem procurar ser mais produtivas e escaláveis, com modelos flexíveis de trabalho, ter mais retenção de talentos, manter o nível de satisfação e engajamento dos colaboradores, investindo em pessoas para gerar eficiência. 

"Tecnologia não é mais barreira, é uma ponte. Gerar mais confiança entre trabalhadores e empresas, aumenta a efetividade. O trabalho flexível estabelece uma relação de confiança, traz mais produtividade, reconhecimento das pessoas, mais engajamento", explica.

Segundo ele, o trabalho remoto não vai eliminar totalmente as relações "olho no olho", vai mudar nesse momento, mas no futuro ainda haverá eventos e encontros presenciais, não serão eliminados, pois vão inclusive permitir a continuidade das atividades das organizações.

"Temos que manter a calma, priorizar a saúde e segurança de todos, ajudar uns aos outros, e não entrar em pânico", enfatiza o executivo.

Webinar Executive Series

No último dia do webinar, nesta quinta-feira, 16, haverá a apresentação do country manager da Veritas, Gustavo Leite, às 9h, e ele encerrado às 9h45 pelo filósofo e historiador Leandro Karnal, uma das vozes mais destacadas no Brasil atual e convidado especial do evento.

Otavio Argenton, country leader da SoftwareONE, será o moderador.

O evento é gratuito, bastando o interessado se inscrever nesse link  https://register.gotowebinar.com/register/8260454244172845837 

Deixe seu comentário