CTC/PUC-Rio desenvolve plataforma de ensino aos profissionais que atenderão público nas Olimpíadas

0
0

A cidade do Rio estima receber até 500 mil turistas no período dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos e, para tornar os profissionais que atenderão a este público em bons anfitriões, é preciso treinamento, sejam eles os que respondem por serviços de hotelaria ou até mesmo os que trabalham nas barracas de praia ou na segurança da cidade, como os guardas municipais. O Centro Técnico Científico da PUC-Rio (CTC/PUC-Rio), em parceria com o Ministério do Turismo, o Instituto Federal e Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro (IFRJ) e a Riotur, desenvolveu um programa de qualificação online e gratuito com o intuito de melhorar os serviços que serão oferecidos aos visitantes e moradores da capital carioca.

O programa utiliza uma plataforma de ensino e aprendizagem focada em dispositivos móveis, criada especialmente para atender a esta demanda. O aluno poderá acessar todo o conteúdo pelo seu celular smartphone, e não somente através de tablets ou computadores, para assistir às videoaulas e realizar as atividades, podendo se conectar ao programa a qualquer momento e de qualquer lugar, dinamizando e agilizando seu processo de capacitação. A facilidade de acesso pelos usuários foi um dos principais interesses do CTC/PUC-Rio, responsável por toda a elaboração da plataforma digital.

O conteúdo do programa de qualificação para a Olimpíada e Paralimpíada de 2016 aborda a comunicação básica com o turista em português e inglês, técnicas e comportamentos para o atendimento ao público e conhecimentos transversais, como segurança, cuidado com o meio ambiente, higiene e saúde, entre outros. Ao final do programa, os que concluírem o curso serão certificados, e há inclusive a possibilidade de gerar premiações para aqueles que completarem os módulos com sucesso e rapidez.

"Esta é uma ação educacional de larga escala, para nove mil alunos, que está focada prioritariamente no estudo através de dispositivos móveis. Utilizamos uma abordagem de gameficação, baseada em pontuação e emblema, além de dinamização em rede social e conteúdos divididos em atividades, que são cápsulas de conhecimento, algo inédito", afirma Rafael Nasser, gerente de Integração Universidade-Empresa do Laboratório Engenharia de Software (LES), unidade do Departamento de Informática do CTC/PUC-Rio responsável pelo desenvolvimento da tecnologia.

Os módulos contêm um conjunto de unidades de ensino, totalizando aproximadamente 80 (oitenta) unidades. Cada unidade de ensino é composta por diferentes atividades de aprendizagem, com objetivos específicos, apresentação de vídeos, conteúdos de fácil entendimento e jogos. O tempo médio para cursar online cada unidade é em torno de uma hora.

Na primeira etapa são estudados os "Saberes Interdisciplinares", visando o desenvolvimento de competências e habilidades gerais para o atendimento ao usuário, como hospitalidade e qualidade. É o momento em que se trabalham temas como prevenção à exploração sexual de crianças e adolescentes, turismo acessível, sustentabilidade, respeito à diversidade e direitos humanos. No segundo módulo, com Saberes Específicos, as aulas são customizadas para cada perfil de atividade. Por último, os participantes aprendem noções básicas de inglês.

Quem não tiver aparelhos eletrônicos adequados ao curso poderá acessar a plataforma digital usando uma das Naves do Conhecimento do município (localizadas em Parque Madureira, Santa Cruz, Complexo do Alemão, Vila Aliança, Penha, Irajá, Padre Miguel e Bairro Carioca), além do wi-fi livre na área pública da Praça Mauá.

"Trata-se de uma excelente oportunidade para profissionais que atuam diretamente no contato com o turista, não só pela chance de se aprimorarem para oferecer um serviço de melhor qualidade durante os Jogos, mas também pela chance de conquistarem uma certificação que fará a diferença em seus currículos no futuro. O profissional que busca atualização e aperfeiçoamento distingue-se no mercado de trabalho, afirma Antonio Pedro Figueira de Mello, secretário de Turismo do Rio.

Deixe seu comentário