Ministério Público de Brasília investiga suposto vazamento de dados da Fiesp

0
4

A Unidade Especial de Proteção de Dados e Inteligência Artificial do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) instaurou inquérito civil público para investigar suposto incidente de segurança envolvendo banco de dados da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). A portaria foi assinada nesta quinta-feira, 22.

Serão apuradas as circunstâncias do suposto incidente de segurança e as responsabilidades pelos danos eventualmente causados. Os dados pessoais estavam disponíveis em um banco de dados aberto e não criptografado. A maior coleção de dados continha informações de 34.817.273 brasileiros. Foram expostos dados pessoais como nome, RG, CPF, sexo, data de nascimento, endereço, e-mail e telefone.

Clique aqui para ler a íntegra do documento.

Deixe seu comentário