Perspectivas mais amplas, melhores resultados

0
0

Times mais diversificados criam mais soluções inovadoras. No World Economic Forum 2017, convido meus colegas líderes corporativos a juntarem-se a mim na promoção da diversidade.

Se você quer inovar e inventar, sua organização precisa de pensamento diverso. Uma pessoa anuncia uma ideia; outros a desafiam e começam a formatá-la; opiniões adicionais e variadas expandem e aperfeiçoam ainda mais o conceito; e o processo se perpetua até que um produto ou plano se forma completamente. Quanto mais amplos e cheios de perspectivas forem os pensamentos, mais fortes e universais serão os resultados.

Por trás dos produtos e estratégias da CA Technologies, está um grupo de mentes diversas, uma equipe de indivíduos com históricos variados que examinam e se desafiam coletivamente para chegar às melhores soluções. Quando somamos pensamentos diversificados, isso nos impulsiona a descobrir coisas novas. Coisas melhores.

Parceria com The Female Quotient

Para ajudar a moldar nossa ideia de diversidade, a CA fomenta uma série de relacionamentos focados na igualdade no ambiente de trabalho, incluindo a National Association of Female Executives (Associação Nacional de Mulheres Executivas) e as organizações Instituto Anita Borg e Catalyst. Estou contente de termos adicionado, no início deste ano, o The Female Quotient (TFQ) ao nosso hall de parceiros.

Fundado por Shelley Zalis, a TFQ é uma organização dedicada à promoção da igualdade no ambiente de trabalho. A CA tem um interesse especial pela TFQ porque, assim como nós, a organização TFQ está focada não apenas em estimular o diálogo sobre a importância da diversidade, mas também na identificação de formas práticas de impulsionar mudanças reais.

A CA Technologies e a TFQ serão anfitriãs de uma série de eventos durante o World Economic Forum deste ano, evento que reúne líderes de todo o mundo. Por meio dessa parceria, também estamos patrocinando o TFQ lounge, que servirá de palco para conversas sobre diversidade. Juntos, procuraremos engajar o público influente e chegar ao cerne das questões que impedem o progresso. E a partir desses aprendizados, vamos focar em plantar sementes para possibilitar soluções.

Compensando conhecimento, competências e habilidades

Na CA, temos vários compromissos que já estão ajudando a impulsionar a diversidade, e gostaria de convocar outros líderes a considerar essas iniciativas porque elas estão dando resultados.

A CA tem orgulho de seu histórico de focar na igualdade e na paridade salarial. Além disso, estamos constantemente buscando oportunidades para dar seguimento à estas dinâmicas e estamos particularmente orgulhosos da nossa mais recente conquista.

No final do ano passado, a Commonwealth de Massachusetts aprovou a legislação de "igualdade de remuneração por trabalho igual" (equal pay for equal work), que impede os empregadores do estado de perguntar a qualquer candidato sobre seus níveis salariais anteriores. A lei, que visa eliminar o viés de gênero no pagamento, entra em vigor em julho de 2018. No início deste mês, a CA adotou voluntariamente os preceitos da legislação e implementou uma política nos Estados Unidos, Canadá e América Latina, proibindo a discussão de níveis salariais durante o processo de seleção ou contratação.

Esta simples e importante mudança nos permitirá focar nas áreas que mais importam ao determinar a remuneração compensatória: conhecimento e habilidades – em vez de gênero ou disparidade salarial existente anterior. Estamos comprometidos em atrair perfis diversos de candidatos e de entrevistadores.

Programas que funcionam

Pode parecer um esforço pequeno, mas sabemos que esses programas funcionam. Por exemplo, de nossas contratações de gerentes seniores em 2016, 13% eram mulheres multiculturais, média 44% maior do que da indústria, que é de 9%. E nos últimos dois anos, aumentamos a representatividade das mulheres em papéis técnicos em 14%. É um bom começo e estamos entusiasmados com o futuro desta medida.

Certamente, o trabalho coletivo que temos diante de nós para ampliar a diversidade não será fácil e, às vezes, o progresso lento nos frustra. No entanto, é um percurso importante. Como líder, tenho o privilégio de ajudar a moldar este ambiente de diversidade e inclusão e espero que meus colegas de outras empresas se unam a mim. Cada passo que tomamos, seja ele pequeno ou grande, impulsiona a igualdade e ajuda a nivelar o meio de campo. As palavras são importantes, mas só ações planejadas e sustentáveis produzirão o resultado que queremos: alcançar a verdadeira diversidade.

Mike Gregoire, CEO da CA Technologies.

Deixe seu comentário