Valor de mercado da Amazon supera o do gigante varejista Walmart e do rival chinês Alibaba

0
48

Um dia depois de suas ações terem disparado mais de 17% no after-hours trading, negociação após o fechamento da Nasdaq, a Amazon voltou a registrar alta expressiva nos seus papéis nesta sexta-feira, 24, o que demonstra que os investidores não só gostaram dos resultados do segundo trimestre, como veem consistência nos números.

As ações da varejista online encerraram o pregão regular na bolsa eletrônica com alta de 9,8%, cotadas a US$ 529,42, sendo que no after-hours elas recuaram um pouco, negociadas a US$ 528,80. De todo modo, o salto registrado nesses dois dias fez com o valor de mercado da Amazon alcançasse US$ 262,7 bilhões, 12% a mais do que os US$ 233,5 bilhões do Walmart.

O gigante do varejo tradicional ainda gera mais vendas do que a Amazon — a receita da varejista online ao longo dos últimos 12 meses totalizou US$ 95,8 bilhões, o que representa um quinto dos US$ 485,5 bilhões contabilizados pelo Walmart no mesmo período. Mas a Amazon, que foi fundada há 21 anos, está crescendo rapidamente, e é isso que tem animado os investidores.

Curiosamente, as ações da Amazon têm subido mais do que seu rival asiático, o Alibaba. Na quinta-feira, 23, por exemplo, o site de comércio eletrônico chinês viu suas ações caírem novamente, para US$ 83,88. Isso significa que o Alibaba vale US$ 210,7 bilhões, atrás também da Amazon (veja ranking no quadro abaixo).

TabelaSP500

Deixe seu comentário