99 investe R$ 35 mi em segurança e reduz crimes no app em 20%

0
45

O aplicativo de transporte 99 anuncia que, após investimento de R$ 35 milhões em segurança em 2020, conseguiu reduzir em 20% as ocorrências graves na plataforma, por milhão de corridas, de janeiro a setembro do mesmo ano. As quatro regiões que apresentaram as maiores quedas foram: Ceará, com redução de 20,7%; Rio de Janeiro, cujo índice caiu 12,3%; e Goiás com decréscimo de 9,6%. Em São Paulo, a queda foi de 13%.

O resultado foi alcançado por causa do investimento direto em segurança no Brasil em 2020, que totaliza mais de R$ 35 milhões. Estão incluídos gastos com contratação de parceiros, equipe de atendimento emergencial 24h e implementação de novas ferramentas de proteção — como câmeras embarcadas nos carros.

Segundo a empresa, as tecnologias lançadas neste ano foram fundamentais para a melhoria. O novo pacote de segurança apresentado pela empresa traz recursos como inteligências artificiais para prevenção de crimes, expansão nacional das câmeras de segurança, monitoramento de corridas via GPS e gravação de áudio.

"A segurança é uma prioridade para nós e, mesmo durante a pandemia, aumentamos o investimento em proteção", afirma Thiago Hipólito, Diretor de Segurança da 99. "Hoje, nossos esforços estão focados na proteção antes, durante e depois das corridas, com foco em sistemas preventivos, ferramentas que protegem as pessoas durante a corrida e atendimento imediato", completa.
Pacote de segurança

Em 2020, a 99 investiu continuamente em novas ferramentas e na expansão de tecnologias como o monitoramento por câmeras de segurança, implantado nas principais cidades do País. Desde janeiro de 2020, 3 milhões de corridas realizadas pelo app já foram realizadas com o dispositivo.

Imagens captadas com a lente olho de peixe, que garante uma visão panorâmica

O aplicativo também implementou a opção de Gravação de Áudio para 100% da plataforma. Os arquivos ficam armazenados na base de dados da empresa e podem ser usados como evidência em caso de conversas inadequadas.

A empresa lançou ainda o Monitoramento de Corridas, que funciona por meio de algoritmo que detecta automaticamente paradas longas ou trajetos com tempo acima do previsto e toma uma série de ações preventivas. Além disso, disponibilizou ferramenta que permite que os usuários possam escolher não se conectarem mais com uma pessoa específica em viagens futuras. Todas as opções estão disponíveis para passageiros e motoristas. 

Deixe seu comentário