TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Países emergentes responderão por 55% dos usuários de banda larga móvel neste ano

Postado em: 05/05/2014, às 17:03 por Redação

O número total de usuários de internet no mundo deve atingir cerca de 3 bilhões até o fim deste ano, sendo que dois terços serão provenientes de países em desenvolvimento, segundo dados divulgados nesta segunda-feira, 5, pela UIT (União Internacional de Telecomunicações), órgão ligado à ONU (Organização das Nações Unidas).

De acordo com o relatório, o número de assinantes de serviços de banda larga móvel chegará a 2,3 bilhões globalmente até o fim dezembro, dos quais 55% também devem ser de países em desenvolvimento. Globalmente, a penetração de banda larga móvel atingirá a 32%, sendo que nos países desenvolvidos totalizará a 84%, um nível quatro vezes maior que nos países em desenvolvimento (21%).

Os níveis de penetração da banda larga móvel são mais elevados na Europa (64%) e nas Américas (59%), seguido pela CEI (49%), Estados Árabes (25%), Ásia-Pacífico (23%) e África (19%).

O estudo mostra ainda que 44% das famílias de todo o mundo terão acesso à internet até o fim do ano e quase um terço (31%) das famílias nos países em desenvolvimento estará conectado, na comparação com 78% nos países desenvolvidos. A análise mostra que o acesso doméstico está se aproximando do nível de saturação nos países desenvolvidos.

No entanto, mais de 90% das pessoas que ainda não usam a rede mundial são de países em desenvolvimento. Na África, por exemplo, apenas um em cada dez domicílios estará conectado à internet até o fim deste ano. Apesar disso, o acesso em casa África continua a crescer na casa dos dois dígitos. Já na CEI (Comunidade dos Estados Independentes, composta por 11 ex-repúblicas que formavam a União Soviética) mais de um em cada dois domicílios estará conectado à rede.

Nas Américas, perto de duas em cada três pessoas estarão usando a web até o fim de 2014, a segunda maior taxa de penetração depois da Europa. A penetração da internet na Europa vai chegar a 75% — ou três em cada quatro pessoas — até o fim de 2014, a mais alta em todo o mundo. Além disso, um terço da população da Ásia e do Pacífico estará online até o fim do ano e cerca de 45% dos usuários de todo o mundo estará na região da Ásia-Pacífico.

A região das Américas, no entanto, é a que apresentará o menor crescimento da banda larga fixa, estimada em 2,5% e atingindo uma taxa de cerca de 17% de penetração até o fim de 2014. Já penetração da banda larga fixa da Europa é muito maior na comparação com outras regiões e quase três vezes mais elevada que a média global. Porém, África, Estados Árabes e CEI serão as únicas regiões com taxas de crescimento de penetração da banda larga fixa de dois dígitos. Até o dezembro deste ano, a penetração da banda larga fixa terá atingido quase 10% em nível mundial.

O estudo da UIT diz também que até dezembro serão 7 bilhões de linhas celulares — mais da metade delas (3,6 bilhões) estará na região Ásia-Pacífico. Novamente, segundo o órgão da ONU, o crescimento ocorre devido ao aumento no número de linhas móveis nos países em desenvolvimento, sendo que cerca de três em cada quatro delas no mundo até o fim do ano estarão nessas localidades. Nessas nações, a penetração das linhas celulares cresce o dobro, em média, do que nos desenvolvidos.

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Tags: , , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)

Top
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial