Lucro da Progress registra queda de 55% no segundo trimestre fiscal

0
7

A Progress Software, fabricante de software de gerenciamento de aplicações, fechou o segundo trimestre do ano fiscal de 2015, encerrado em 31 de maio, com lucro de US$ 5,7 milhões, o que representa um recuo de 55% em relação aos US$ 12,8 milhões obtidos em igual período do exercício fiscal anterior. A receita ficou em US$ 88,8 milhões, crescimento de 9% comparado aos US$ 80,8 milhões na mesma comparação.

A maior fatia da receita no período foi proveniente de manutenção e serviços, que contabilizaram US$ 60 milhões, alta de 13% em relação a um ano antes, enquanto as vendas de licenças de software cresceram 2% e encerraram o trimestre fiscal com US$ 28,7 milhões.

Na quebra da receita por região geográfica, a América do Norte faturou US$ 47,5 milhões, crescimento de 29% em relação ao segundo trimestre do ano fiscal de 2014. Já a região que engloba Europa, Oriente Médio e África (EMEA) obteve queda de 7% na receita que computou US$ 31,1 milhões. A América Latina teve recuo de 22%, arrecadando US$ 4,4 milhões, enquanto a Ásia-Pacífico registrou alta de 24%, com receita de US$ 5,7 milhões.

Nasdaq

Apesar da queda no lucro, os resultados do trimestre fiscal ficaram em linha com as estimativas do mercado, o que fez com que as ações da Progress no after-hours trading, negociação após o fechamento da Nasdaq, registrassem alta de 8,3%, cotadas a US$ 30, às 17h20 (horário de Brasília) nesta quarta-feira, 1º.

Deixe seu comentário